Fechar
GP1

Teresina - Piauí

Filha de ex-diretor do HUT passa em 1º lugar para medicina da UESPI

O médico Gilberto Albuquerque, falou ao GP1, sobre a alegria pela conquista de sua filha mais nova, que tem apenas 15 anos de idade.

Maria Eduarda Carvalho Albuquerque Brito,15 anos, filha do ex-diretor do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), o médico Gilberto Albuquerque, logrou o primeiro lugar no curso de Medicina da Universidade Estadual do Piauí (UESPI). O resultado do Sistema de Seleção Unificada (SISU) foi divulgado nesta segunda-feira (28).

O médico Gilberto Albuquerque, falou ao GP1, sobre a alegria pela conquista de sua filha mais nova. “Geralmente quando a gente tem um filho que gosta de estudar, o pai já fica satisfeito, e ela gosta muitíssimo de estudar, então é um motivo a mais de alegria. Graças a Deus o resultado disso foi conseguir passar no vestibular com apenas 15 anos de idade, e foi muito bem colocada, 1º lugar, é um motivo de orgulho e muita satisfação”, disse.

  • Foto: Arquivo PessoalMaria Eduarda Albuquerque e família Maria Eduarda Albuquerque e família

Maria Eduarda, terminou o 3º ano no final do ano passado. A princípio ela queria cursar Astronomia, mas acabou preferindo seguir os passos do pai. “Ela terminou agora, foi precoce em tudo, porque acabou de terminar a escola. Ela queria fazer Astronomia, mas aqui no Piauí não oferta esse curso, e pela idade, para ela sair de casa tão nova, acabou mudando de ideia e seguindo para a Medicina, e quer seguir a carreira acadêmica, disse que quer ser professora”, afirmou o dr. Gilberto.

“Eu sempre disse pra ela, que nós médicos trabalhamos muito, não temos qualidade de vida, mas não posso dizer que não temos orgulho quando nossos filhos seguem nossos passos, então com certeza estou muito feliz. As aulas começam já dia 04 de fevereiro, tudo muito rápido”, completou.


Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.