GP1

Teresina - Piauí

Wellington Dias participa de formatura da Força Estadual de Segurança

A Força Estadual terá um efetivo inicial de 25 homens e será coordenada pelo delegado Cadena Júnior.

Davi Fernandes/GP1 1 / 17 A solenidade aconteceu na noite desta segunda A solenidade aconteceu na noite desta segunda
Davi Fernandes/GP1 2 / 17 Viatura da Força Estadual Viatura da Força Estadual
Davi Fernandes/GP1 3 / 17 Delegado Cadena Júnior Delegado Cadena Júnior
Davi Fernandes/GP1 4 / 17 Coronel Rubens Pereira Coronel Rubens Pereira
Davi Fernandes/GP1 5 / 17 O evento aconteceu no Palácio de Karnak O evento aconteceu no Palácio de Karnak
Davi Fernandes/GP1 6 / 17 Fábio Abreu Fábio Abreu
Davi Fernandes/GP1 7 / 17 Força Estadual de Segurança do Piauí Força Estadual de Segurança do Piauí
Davi Fernandes/GP1 8 / 17 Força Estadual de Segurança Força Estadual de Segurança
Davi Fernandes/GP1 9 / 17 Palácio de Karnak Palácio de Karnak
Davi Fernandes/GP1 10 / 17 Wellington Dias Wellington Dias
Davi Fernandes/GP1 11 / 17 Formatura dos policiais que atuaram na Força Estadual de Segurança Formatura dos policiais que atuaram na Força Estadual de Segurança
Davi Fernandes/GP1 12 / 17 Policial armado Policial armado
Davi Fernandes/GP1 13 / 17 Policiais da Força Estadual de Segurança do Piauí Policiais da Força Estadual de Segurança do Piauí
Davi Fernandes/GP1 14 / 17 O evento aconteceu na noite desta segunda O evento aconteceu na noite desta segunda
Davi Fernandes/GP1 15 / 17 A formatura ocorreu no Palácio de Karnak A formatura ocorreu no Palácio de Karnak
Davi Fernandes/GP1 16 / 17 Formatura da equipe da Força Estadual Formatura da equipe da Força Estadual
Davi Fernandes/GP1 17 / 17 Wellington Dias Wellington Dias

Aconteceu na noite desta segunda-feira (25) a formatura da primeira turma de operadores da Força Estadual Integrada de Segurança do Piauí, que vai atuar em todo o estado prestando apoio às polícias Civil e Militar e ao Corpo de Bombeiros. Realizada no Palácio de Karnak, a solenidade contou com a presença do governador Wellington Dias (PT), do secretário de Segurança do Piauí, coronel Rubens Pereira, e do deputado federal Fábio Abreu (PL).

O governador ressaltou que a formação da Força Estadual é um grande passo para o combate à criminalidade no Piauí. “Estamos lidando com um crime muito organizado, e assim a gente vence esse crime, é isso que representa esse ato hoje. É um passo muito grande, para que possamos, pelo Piauí, e também muito em breve no Nordeste, vencer a criminalidade, reduzir homicídios, aquilo que perturba a população, a partir da competência do nosso crime”, declarou Wellington Dias.

Na oportunidade, foram entregues armamentos, quatro viaturas e um ônibus para a nova força criada no estado, que, segundo o secretário de Segurança, vai atuar conforme as demandas definidas pelas estáticas.

“Estão sendo entregue hoje armamentos, quatro viaturas necessárias e adaptadas para atuação e também um ônibus para deslocamento, o governador do estado vai designar quais são as áreas de atuação com base em dados científicos, nós temos um comitê científico que vai analisar a estatística criminal para essa força poder atuar nesses locais, de modo a reduzir os indicadores da violência e da criminalidade”, explicou o coronel Rubens Pereira.

A Força Estadual de Segurança do Piauí será coordenada pelo delegado Cadena Júnior, que é diretor de gestão interna da Secretaria de Segurança Pública do Piauí. “Essa criação é para auxiliar nas demandas urgentes que aparecem, vai ser uma força auxiliar da Polícia Militar, da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros, essa força estadual vai ser integrada e futuramente iremos integrar também a Polícia Penal”, afirmou Cadena Júnior.

A Força Integrada vai iniciar com o efetivo de 25 homens e também contará com coordenadores operacionais, segundo Cadena Júnior. “Nosso efetivo é de 25 homens, fora a coordenação, e temos os coordenadores operacionais, a coordenadora da Polícia Militar, coronel Júlia Beatriz, o coordenador do Corpo de Bombeiros, coronel Emídio, e o coordenador da Polícia Civil, que é o delegado Luciano Alcântara”, detalhou o delegado.

O deputado Fábio Abreu se fez presente na solenidade devido ao fato de a Força Integrada Estadual ter começado a ser pensada quando ele ainda era secretário de Segurança. “O estado do Maranhão iniciou esse trabalho e nós acompanhamos, fomos até lá para verificar como estava o funcionamento. Trouxemos a ideia, o governador aprovou e finalmente hoje termina a fase de qualificação dos profissionais, que estão habilitados e aptos a exercerem esse trabalho, que vai desde o enfretamento às facções, ao tráfico de entorpecentes, mas com uma característica muito específica, que é a questão da integração”, destacou Fábio Abreu.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.