GP1

Polícia

Suplente de vereadora é presa acusada de receptação em Teresina

Os policiais verificaram que o veículo em posse da mulher havia sido utilizado em um assalto.

A Policia Rodoviária Federal (PRF) prendeu na tarde desta quinta-feira (13) na BR 343 em Teresina, uma suplente de vereadora, que não teve a identidade revelada, acusada de receptação e uso de documentação falsa. Os policiais identificaram que a suspeita estava em um veículo clonado no momento da abordagem.

Segundo informações da PRF, os policiais realizavam uma fiscalização de rotina quando abordaram uma mulher de 35 anos em um carro HYUNDAI/HB 20 1.0 CONFORT, posteriormente detectado com os bens de identificação adulterados.

Foto: Divulgação/ PRFVeículo Clonado
Veículo Clonado

Após análise mais profunda, a PRF descobriu que o veículo era clonado e havia sido roubado no dia 10/09/2018 na capital piauiense, além de ter a documentação apresentada pela condutora furtada do almoxarifado do DETRAN em junho de 2019. Os policiais verificaram também que o veículo clonado havia sido utilizado em um assalto na cidade de Teresina no ano de 2018.

A mulher abordada, que é suplente de vereadora em um município do Norte do estado, informou aos policiais que comprou o carro por R$ 40 mil de uma pessoa que ela não quis revelar a identidade, e que por isso não sabia da restrição do veículo. A verdadeira proprietária do veículo clonado procurou a PRF por meio do 191 após perceber que tinha recebido inúmeras multas de trânsito em locais e horários em que não havia passado, com esta denúncia, foi possível iniciar as diligências e realizar a ação.

Diante dos fatos, a PRF encaminhou a mulher e o veículo até a Central de Flagrantes de Teresina para a realização dos procedimentos cabíveis.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.