GP1

Piauí

Incêndio de grandes proporções atinge depósito no Centro de Teresina

Conforme informações de populares o imóvel armazena calçados de uma loja também localizada no Centro.

Brunno Suênio/GP1 1 / 7 Tenente Prado Tenente Prado
Brunno Suênio/GP1 2 / 7 Bombeiros chegaram rapidamente ao local Bombeiros chegaram rapidamente ao local
Brunno Suênio/GP1 3 / 7 Incêndio atinge prédio no Centro de Teresina Incêndio atinge prédio no Centro de Teresina
Brunno Suênio/GP1 4 / 7 Equipe do Corpo de Bombeiros Equipe do Corpo de Bombeiros
Brunno Suênio/GP1 5 / 7 Bombeiros são chamados para apagar fogo em prédio Bombeiros são chamados para apagar fogo em prédio
Brunno Suênio/GP1 6 / 7 Caminhão do Bombeiros Caminhão do Bombeiros
Brunno Suênio/GP1 7 / 7 Viatura do Corpo de Bombeiros do Piauí Viatura do Corpo de Bombeiros do Piauí

No fim da manhã desta segunda-feira (3) um incêndio de grandes proporções atingiu um galpão no Centro de Teresina. O depósito fica localizado na Rua Benjamin Constant, nas proximidades do Mercado Velho. Conforme informações de populares o imóvel armazena calçados de uma loja também localizada no Centro.

Em entrevista ao GP1, Bruno Costa, dono de uma loja próxima ao armazém, informou que o incêndio iniciou por volta de meio-dia. “Começou só com uma fumaça leve no teto. No início achamos que fosse da fiação, depois aumentou e percebemos que era lá dentro. Isso é um depósito de uma loja que fica na Praça da Bandeira”, explicou.

Com medo das chamas, Bruno pediu que as pessoas retirassem os carros que estavam estacionados nas proximidades do depósito. “Fiquei com muito medo. Mandei todo mundo sair da minha loja, porque podia correr risco. Tinha automóveis aqui e qualquer explosão poderia vir para cá e pedi pra tirar os carros”, informou.

O GP1 apurou com outros populares que o local não possui energia e que uma pessoa foi até o local retirar alguns calçados e utilizou uma vela.

A tenente Prado, do Corpo de Bombeiros, informou que até o momento nenhuma pessoa reivindicou ser dona do imóvel. O galpão corre risco de desabamento. “Até o momento a gente só conseguiu verificar que o galpão parece estar abandonado, porque até agora ninguém chegou para reclamar nada e tinha um armazenamento de calçados. A gente está combatendo o incêndio. Pelo fato de o galpão ser de madeira e ter queimado, corre o risco de desabamento”, informou a tenente.

Cerca de duas horas depois os bombeiros conseguiram controlar o incêndio, sem que as chamas chegassem ao imóveis ao redor.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.