GP1

Beneditinos - Piauí

Professores de Beneditinos terão reajuste salarial de 46,77%

Em sua fala o prefeito fez menção da importante parceria entre os Poderes Executivo e Legislativo.

Por ocasião da abertura do Ano Legislativo na cidade de Beneditinos-Pi na noite da última sexta-feira (18), o prefeito Jullyvan Mendes levou Mensagem aos membros do Parlamento Municipal.

Em sua fala o prefeito fez menção da importante parceria entre os Poderes Executivo e Legislativo, e ainda da responsabilidade do Presidente da Câmara de Vereadores, vereador José Emílio, que no último exercício de 2021 devolveu aos cofres do município cerca de R$ 200 mil reais.

Novo Piso Nacional do Magistério

Jullyvan Mendes aproveitou o momento para tranquilizar e anunciar aos Professores da Rede Municipal de Ensino que a Prefeitura irá pagar o reajuste do Piso Nacional do Magistério, indo além do determinado pela legislação, qual seja, 33,24%. De acordo com o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo, os Professores terão reajuste de 46,77%, o que representa um salário de R$ 4.236,13.

Foto: Divulgação/AscomPrefeito Jullyvan Mendes
Prefeito Jullyvan Mendes

“Importante ressaltar que o aumento será retroativo a mês de janeiro, par que nenhum professor seja prejudicado. Nenhum professor 40hs receberá menos de R$ 4.236,13 em Beneditinos”, afirmou Jullyvan.

Reajuste para os demais Servidores da Educação

Além do reajuste do Piso do Magistério, o prefeito Jullyvan Mendes também anunciou reajuste de 10,16% no salário de todos os servidores da educação.

“Além do reajuste no Piso do Magistério, também anunciei o reajuste de 10,16% no salario de todos os demais servidores da Educação Municipal, além do aumento já concedido no início do ano. Acredito firmemente que a educação é feita por todos os trabalhadores, e todos fazem jus a esse aumento!”, concluiu.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.