GP1

Alegrete do Piauí - Piauí

PM apreende carga roubada avaliada em R$ 200 mil no Sudeste do Piauí

As equipes apontaram que a carga era da empresa Dinâmica Ferros Lineares, com sede no Maranhão.

Equipes da 4ª Companhia do 4º Batalhão da Polícia Militar do Piauí (PM-PI), apreenderam uma carga de suplemento mineral bovino e ferro de 10 toneladas, avaliada em R$ 200 mil, encontrada dentro de uma carreta e de um depósito, na noite dessa sexta-feira (13), por volta de 21h20, no município de Alegrete do Piauí. O material havia sido roubado da empresa Dinâmica Ferros Lineares, do Maranhão, em abril deste ano.

De acordo com o comandante da 4ª CIA do 4º BPM, capitão Gilson Xavier, a equipe recebeu informações de que o veículo, tendo uma carga de mercadoria, estava em deslocamento chegando na cidade de Alegrete. Os policiais conseguiram localizar o veículo, realizaram a abordagem e encontraram o material já na saída da cidade.

Foto: Reprodução/WhatsAppCarga apreendida pela PM
Carga apreendida pela PM

Durante as diligências, o condutor do veículo, identificado pelas iniciais I. C. dos S, se dizia proprietário da carga e alegou estar sem nota fiscal. Com isso, a equipe seguiu até um depósito de material que também pertence ao motorista, onde encontraram uma vasta quantidade de ferro, também sem nota fiscal.

Notas fiscais foram queimadas

Já na manhã deste sábado, ainda em diligências, os policiais foram ao depósito e encontraram vestígios de anotações, algumas delas já incineradas e que pertencem a empresa Dinâmica Ferros Lineares, com sede no Maranhão. A PM entrou em contato com a empresa, que confirmou ter sido vítima de um roubo de carga em abril.

Os policiais foram realizar buscas até a residência de I. C dos S, em Araripina-PE, porém, não encontraram o acusado. Após a apreensão, o material foi encaminhado na Delegacia de Polícia Civil e a empresa lesada enviou um representante para retirada do material.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.