GP1

Teresina - Piauí

Júnior Macêdo diz que vai acionar Justiça para assumir vaga na Câmara

“Nós vamos buscar a todas as instâncias, a gente vai buscar os nossos direitos", afirmou o suplente.

O suplente Júnior Macêdo (PSD) declarou, nesta terça-feira (21), que acionará a Justiça para garantir a sua posse na Câmara Municipal de Teresina. A declaração foi dada após o suplente tomar conhecimento que o presidente da Casa, Jeová Alencar (Republicanos), afirmou que ele não poderá assumir o mandato de vereador por conta do regimento interno.

Segundo Macêdo, ele vai acionar a Justiça se não assumir o mandato em até 24 horas. “Nós vamos buscar a todas as instâncias, a gente vai buscar os nossos direitos. Se dentro das próximas 24 horas [eu não tomar posse] nós vamos buscar nossos direitos na Justiça porque o que está acontecendo é o rasgamento da constituição, o rasgamento do regimento interno”, afirmou.

Foto: Lucas Dias/GP1Júnior Macêdo
Júnior Macêdo

“Eu não estou fazendo nada que não seja o direito que eu adquiri através do voto, através do povo. Há dois meses eu assinei o documento, e o presidente é consciente, dizendo que eu estava passando por problemas pessoais e que naquele presente momento eu não podia assumir”, lembrou Júnior Macêdo.

O suplente reforçou que ele quer apenas assumir a vaga que é dele e que vai em busca de garantir os seus direitos. “Hoje, o momento é outro, eu me sinto preparado e tenho o direito de assumir uma vaga nessa Casa. Se a gente não conseguir tomar posse, nós vamos até o final lutar pelos meus direitos e os direitos de todos aqueles que votaram em mim”, enfatizou.

“Eu tenho uma grande consideração pelo presidente Jeová, mas eu acho que teve um erro de interpretação por parte do presidente. Sei que o Antônio José Lira é um aliado, um compadre dele, mas nós não podemos usar a estrutura da Câmara para manter um vereador irregular nesta Casa porque regular sou eu que sou o segundo suplente e estou na vez”, completou Júnior Macêdo.

O suplente disse acreditar que o presidente Jeová vai reconsiderar e que ele assumirá a vaga. “Eu acredito mais uma vez que o presidente Jeová Alencar vai reavaliar isso e vai ter uma outra interpretação. Eu confio na Justiça de Deus e na Justiça dos homens e eu tenho certeza que nós vamos conseguir”, pontuou.

Foto: Lucas Dias/GP1Suplente Júnior Macêdo quer assumir mandato na Câmara
Suplente Júnior Macêdo quer assumir mandato na Câmara

“Se essa Casa não der resposta hoje eu vou judicializar como omissão ou se essa Casa nos der resposta não permitindo a gente assumir a gente vai ver qual é o motivo e vamos judicializar. Como eu falei, nós vamos buscar todas as instâncias, estou lutando pelo meu direito”, concluiu Júnior Macêdo.

Entenda

O suplente de vereador Júnior Macêdo (PSD) protocolou, nessa segunda-feira (20), requerimento na Câmara Municipal solicitando a sua posse no cargo de vereador com a vacância deixada por Renato Berger, que assumiu a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, e da ida do primeiro suplente, Eduardo Draga Alana para a Secretaria da Juventude.

Na época, Júnior e Cida Santiago, a terceira suplente, não assumiram alegando questões pessoais, em razão disso o quarto suplente, Antônio José Lira assumiu a vaga. “Não pude assumir antes, tive uma perda familiar que me abalou muito, mas agora estou pronto para exercer o mandato e honrar os votos dos meus eleitores”, disse Júnior Macêdo, que afirmou que está na hora de assumir o cargo que é seu por direito.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.