GP1

Piauí

Reitor da UFPI diz que ato contra professor “ultrapassou limites”

O reitor Arimatéia Dantas considerou o ato excessivo e afirmou que não vai tolerar ações semelhantes.

O reitor da Universidade Federal do Piauí Arimatéia Dantas Lopes se pronunciou sobre a manifestação dos estudantes que deixou professores acuados no departamento de Filosofia do Centro de Ciências Humanas e Letras (CCHL), no campus de Teresina, na tarde de hoje (07). O reitor considerou o ato excessivo e afirmou que não vai tolerar ações semelhantes.

“Respeitamos o direito de manifestação, respeitamos as opiniões contrárias, respeitamos as diferenças, mas não podemos tolerar os excessos, não podemos admitir ameaças à integridade física de quem quer que seja e não podemos admitir a depredação do patrimônio. O fato ocorrido hoje no CCHL ultrapassou os limites do tolerável, por isso tivemos que tomar providências para que o desfecho não fosse grave, que nós tivéssemos o desfecho melhor possível”, disse o reitor em vídeo divulgado pela assessoria da instituição.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Arimatéia Dantas, Reitor da UFPI Arimatéia Dantas, Reitor da UFPI

Arimatéia também comentou sobre a invasão de um homem em uma das unidades do Restaurante Universitário, ocorrida também nesta quarta-feira (07). O homem subiu nas mesas, chutou bandejas de comidas e talheres antes de ser detido pelos seguranças. O fato assustou dezenas de estudantes que almoçavam no local.

Para ele, ações desse tipo precisam ser contidas. “Nós vamos continuar agindo dessa forma, com uma postura dialógica, mas sem admitir excessos como o que ocorreu hoje no CCHL, como os fatos ocorridos no CCE, como o fato ocorrido hoje também no Restaurante Universitário”, finalizou o reitor.  

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.