GP1

Piauí

Seduc do Piauí deve concluir 115 obras até o fim do ano

Do ano de 2015 ao início de 2018 já foram entregues 286 obras que mudaram radicalmente a infraestrutura da educação piauiense.

A Secretaria de Estado da Educação do Piauí (Seduc) deve concluir, até o fim deste ano, 115 obras que estão em execução em todo Estado entre novas escolas, reformas, quadras esportivas e outras ações que totalizam um investimento de mais de R$ 52 milhões.

Do ano de 2015 ao início de 2018 já foram entregues 286 obras que melhoraram a infraestrutura da educação piauiense. Centros de educação profissional, escolas padrão FNDE, laboratórios, bibliotecas, quadras esportivas e muitas outras estruturas elevaram a procura pela rede estadual de ensino, bem como a qualidade do serviço educacional prestado.

O gerente de engenharia da Seduc, Alex Fabiano, explicou que após o primeiro momento de reorganização do setor, com a alimentação do sistema de obras do MEC (Simec) e resolução dos principais entraves que impediam a continuidade de várias obras, houve uma intensificação no calendário de inaugurações da pasta.

"Concluímos as obras que encontramos paradas, iniciamos muitas outras e estamos com 115 obras que devem ser concluídas até dezembro de 2018. Temos uma equipe técnica formada por engenheiros civis, fiscais de obras e equipe administrativa que fiscaliza e alimenta o Sistema de Monitoramento de Obras do Estado do Piauí, que garante com que as obras sejam executadas em consonância com os cronogramas previstos pelos contratos assinados pelas empresas e pela Seduc", destacou o gerente.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Helder JacobinaHelder Jacobina

O secretário da Educação, Hélder Jacobina, afirmou que a Seduc vem de uma sequência de inaugurações de novas escolas e de ampliações, como em Hugo Napoleão, Santa Cruz dos Milagres, Alto Longá, Parnaíba, Teresina e muitos outros municípios.

"Trabalhamos visando o compromisso com uma educação de qualidade e isso passa por uma boa estrutura que dê segurança e conforto ao aluno e toda a comunidade escolar. Estamos construindo não só uma escola bem estruturada, mas também uma educação de qualidade que todo piauiense merece", concluiu o secretário.

Somados, os valores já investidos nos três anos anteriores e a serem liberados para a conclusão das obras em andamento chegam ao montante dos R$ 154 milhõe, provindos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Tesouro Estadual, bem como de recursos adquiridos junto ao Banco Mundial.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.