GP1

Piauí

Ministério Público abre investigação contra as Drogarias Globo no Piauí

O inquérito civil foi instaurado pela procuradora do Trabalho Jeane Carvalho de Araújo Colares.

O Ministério Público do Trabalho no Piauí abriu investigação para apurar denúncia contra a empresa Empreendimentos Farmacêuticos Globo Ltda, nome fantasia “Drogarias Globo”, relacionadas aos temas igualdades de oportunidades e discriminação nas relações de trabalho. A empresa não estaria cumprindo a cota prevista em lei que regula a obrigatoriedade das empresas com 100 ou mais empregados preencherem seus quadros com 2% a 5% dos cargos com beneficiários reabilitados ou pessoas portadoras de deficiência.

O inquérito civil foi instaurado pela procuradora do Trabalho Jeane Carvalho de Araújo Colares, com a finalidade de apurar os fatos em toda sua extensão.

A procuradora considerou a legitimidade do Ministério Público do Trabalho para instaurar inquérito civil e ajuizar ação civil pública em defesa dos direitos sociais constitucionalmente garantidos no âmbito das relações de trabalho.

A portaria de instauração foi baixada na última segunda-feira (09).

Outro lado

Nenhum representante pelas Drogarias Globo do Piauí foi localizado para comentar a denúncia.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.