GP1

Piauí

Conselheiro da OAB do Piauí chama advogados de picaretas

Procurado pelo GP1, o conselheiro Carlos Cronemberger disse que não vai se pronunciar sobre o caso.

O Conselheiro Seccional reeleito da OAB/PI, Carlos Cronemberger, conhecido pela relação próxima e quase familiar com o presidente Celso Barros Neto, chamou colegas advogados e advogadas de “picaretas” em grupo de WhatsApp do conselho cujo triênio acabou em 31/12/2021.

Ontem, o candidato pela oposição, Raimundo Junior, reuniu vários colegas num almoço, todos Presidentes de Subseções eleitos para o atual triênio.

Entre eles estavam Pablo Alves (presidente eleito para a subseção de Floriano), Avelino de Negreiros (subseção de Corrente), Rômulo Saltos (Subseção de Parnaíba), Fernando Santos (Subseção de Bom Jesus) e Fidelman Fontes (Subseção de Oeiras).

Foto: Reprodução/WhatsAppConselheiro da OAB do Piauí chama advogados de picaretas
Conselheiro da OAB do Piauí chama advogados de picaretas

No almoço ainda estavam a Presidente da Subseção de Barras, Milena Maciel, e a Presidente da Subseção de Uruçuí, Laionara Monteiro.
Várias outras lideranças da advocacia estavam no local, entre eles o ex-candidato a presidente da Ordem, Raimundo Junior, Naiara Moraes, Andréia Araújo, etc.

Mas sem qualquer tipo de pudor, Carlos Cronemberger postou a foto dos seus colegas no grupo do conselhelho e se referiu a todos como “picaretas”.

Ouvido pela reportagem, Raimundo Junior afirmou que, “é preocupante observar nos eleitos, seja em grupos, seja em discursos em solenidades, a viralizacão de um discurso de ódio, perseguição e desrespeito aos colegas advogados e advogadas que resolveram trilhar um caminho diverso. Pior ainda é observar que a OAB de Todos nunca existirá sob as batutas de pessoas que viralizam o ódio. Mas, seguiremos firmes, atentos e adotando todas as providências jurídicas cabíveis. E lutando por cada advogado e advogadas que for desrespeitado por qualquer membro da gestão que adote comportamento incompatível com o cargo que ocupa.”

Outro lado

Procurado pelo GP1, Carlos Cronemberger disse que não vai se pronunciar sobre o caso.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.