GP1

Polícia

DHPP prende acusado de matar homem com facada em cemitério de Teresina

De acordo com as informações do DHPP, o autor e a vítima tiveram um desentendimento, o que levou o suspeito a desferir um golpe de arma branca contra o homem.

O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), juntamente com o 24º Distrito Policial de Teresina, prendeu na manhã desta sexta-feira (19), um homem de iniciais N.L.D.S., vulgo “Lepo Lepo”, acusado de assassinar Benedito Luiz de Paiva Nonato Júnior, morto no dia 5 de dezembro de 2020, ao lado do cemitério do bairro Renascença, zona sudeste de Teresina.

De acordo com as informações do DHPP, o autor e a vítima estavam usando entorpecentes na madrugada do dia 5 de dezembro dentro do cemitério, quando houve um desentendimento entre os dois, o que levou o suspeito a desferir um golpe de arma branca contra a vítima.

Na ocasião, a vítima foi atingida na região torácica e acabou indo a óbito minutos depois do ocorrido, ao lado do cemitério. Com a identificação do suspeito, foi solicitado um mandado de prisão preventiva contra N.L.D.S., que foi localizado e preso no bairro Renascença, na manhã desta sexta.

Durante o interrogatório, “Lepo Lepo” confessou o crime e alegou que a vítima tentou roubar sua droga, iniciando a discussão. Ele ainda contou aos investigadores que a vítima teria pego uma cruz de ferro do cemitério e supostamente o atacado, no momento em que ele teria se defendido e o golpeado com uma facada.

Após ser preso, o acusado foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e ficará à disposição da Justiça.

Relembre o caso

Um homem identificado como Benedito Luiz de Paiva Nonato Júnior foi morto, na madrugada do dia 5 de dezembro, após ter sido perfurado durante uma briga, próximo ao cemitério do bairro Renascença, na zona sudeste de Teresina.

O subtenente Quixaba, do 8° Batalhão da Polícia Militar (BPM), contou ao GP1 que o crime foi ocasionado por conta de uma briga. “Foi por volta de 1h40 da manhã, teve uma briga e conseguiram perfurar ele no peito”, detalhou o subtenente.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.