GP1

Polícia

Cinco pessoas são presas acusadas de desviar água da Agespisa

O grupo é acusado de roubar água da adutora Piaus, que abastece várias cidades do Sudeste do Piauí.

Uma operação realizada pela Agespisa, em parceria com a Polícia Militar, terminou com cinco pessoas presas na região do município de Fronteiras, localizado a cerca de 410 KM de Teresina. Elas são acusadas de roubar água da adutora Piaus, que abastece as cidades de São Julião, Campo Grande do Piauí, Vila Nova do Piauí, Fronteiras, Pio IX e o povoado Mandacaru. A operação teve início na última quarta-feira (15).

Segundo informações repassadas pela Agespisa, mais de um terço da água produzida na adutora, que corresponde a cerca de 70 mil litros de água por segundo, estavam sendo desviados. As ligações clandestinas foram detectadas em tubulações de 25, 32 e até de 60 mmm e eram feitas diretamente na adutora.

Foto: Lucas Dias/GP1Agespisa
Agespisa

As cinco pessoas detidas durante a operação foram encaminhadas às delegacias de polícia das respectivas cidades, onde foi registrado Boletim de Ocorrência.

A adutora de Piaus é responsável por produzir cerca de 230 mil litros de água por segundo e conforme a Agespisa, com a retirada das ligações clandestinas, a expectativa é que o abastecimento de água tenha ganho de volume, principalmente nas cidades de Fronteiras, São Julião e Pio IX.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.