GP1

Política

Júlio Arcoverde diz que PSD tem vaga na chapa majoritária da oposição

"O PSD do tamanho que ele é hoje deveria ter participação em todas as chapas”, ressaltou o deputado.

O deputado estadual Júlio Arcoverde, presidente do Diretório do Progressistas no Piauí, confirmou na manhã desta segunda-feira (12) que o partido está conversando com o PSD, mesmo depois do deputado Georgiano Neto dizer que a sigla está fechada com a base de Wellington Dias. Ainda de acordo com o parlamentar, o PSD tem vaga garantida na chapa majoritária da oposição.

“Apesar do Georgiano dizer que está fechado na base, a gente segue diálogo com outros líderes do PSD e até prefeitos do PSD que estão descontentes com a postura do Governo do Estado em relação aos seus municípios”, afirmou Arcoverde.

Foto: Lucas Dias/GP1Júlio Arcoverde
Júlio Arcoverde

Segundo o deputado, a estratégia utilizada para atrair o PSD será a participação na chapa majoritária da oposição, algo que não está definido na chapa do Governo. “Nós temos o que oferecer e a chapa do governo não tem o que oferecer. O PSD do tamanho que ele é hoje deveria ter participação em todas as chapas”, ressaltou Júlio Arcoverde.

“Nós estamos conversando muito, nenhum partido tem sua unanimidade, tem muita gente descontente com as ações do governo principalmente do Pro Piauí em relação algumas regiões do estado e acho que esse descontentamento pode até facilitar a união dessas pessoas da base com a oposição”, completou o progressista.

Filiação de deputados ao Progressistas

Sobre a possibilidade de deputados se filiarem ao Progressistas para disputarem a reeleição no próximo ano com o fim das coligações proporcionais, Arcoverde disse que será feita uma análise porque a chapa já está praticamente formada. “Estamos montando uma chapa independente desses deputados, e aqueles que vierem terão que passar por uma análise por conta dessa chapa porque a gente já vem formando essa chapa há muito tempo, uma chapa super competitiva, dentro dos padrões, uma chapa que nós temos cabeça, tronco e membros, uma coisa bem organizada”, declarou o deputado.

“Se tiver algum deputado de mandato pra vir, teremos que analisar e ter a concordância dos outros que são candidatos e não são deputados”, reformou Arcoverde.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.