Fechar
GP1

Política

Deputada do Amapá é cassada por pagar harmonização com fundo eleitoral

Silvia Waiãpi, do PL, foi acusada de usar R$ 9 mil da verba pública para pagar o procedimento.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Amapá cassou, nessa quarta-feira (19), o mandato da deputada federal Silvia Waiãpi (PL), do Amapá, acusada de usar verba do fundo eleitoral para pagar uma harmonização facial. A prestação de contas da campanha da parlamentar foi rejeitada por unanimidade pelos desembargadores.

Silvia Waiãpi foi denunciada pelo Ministério Público Eleitoral por gasto ilícito de dinheiro público. Segundo a representação, ela teria usado R$ 9 mil dos recursos destinados à campanha eleitoral de 2022 para pagar o procedimento estético em um consultório odontológico em Macapá, capital do Amapá.

Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos DeputadosSilvia Waiãpi (PL-AP)
Silvia Waiãpi (PL-AP)

Ainda conforme a denúncia, a primeira sessão do procedimento ocorreu em 29 de agosto de 2022, mesmo dia em que a deputada recebeu os recursos do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC).

O Ministério Público afirmou, com base nos depoimentos colhidos na investigação, que Silvia Waiãpi transferiu dinheiro da conta da campanha para a conta pessoal da coordenadora de sua campanha, que, em seguida, fez o pagamento pela harmonização.


O que diz a deputada

Por meio de nota, a assessoria de Silvia Waiãpi disse que a parlamentar soube da condenação pela imprensa, e que seus advogados tomarão as medidas cabíveis.

Leia a nota:

A deputada Silvia Waiãpi soube pela imprensa que seu mandato havia sido "cassado." Porém, as contas já haviam sido julgadas e as mesmas aprovadas pelo mesmo tribunal. É estranho que a deputada Silvia Waiãpi não tenha sido intimada, tampouco seus respectivos advogados.

Somente após a audiência pública, que ela presidia e que terminou próximo às 19 horas, é que a deputada foi questionada sobre o julgamento. Agora cumpre aos advogados tomarem ciência do que de fato foi julgado e tomar as medidas cabíveis.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.