Polícia

Caso ICI: inquérito contra Firmino Filho se arrasta há 2 anos na Polícia Civil

O inquérito apura o pagamento de R$ 32 milhões ao Instituto Curitiba de Informática, investigado por crimes contra lei de licitação e organização criminosa.

Em entrevista a TV GP1, o vice-prefeito de Teresina, Robert Rios, afirmou que o Ministério Público deve ser acionado para identificar o motivo da demora na conclusão das investigações. Robert ainda afirmou que acredita que a figura política de Firmino Filho pode influenciar na morosidade das investigações.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook

 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.