Política

João de Deus diz que PT reconhece candidatura de Gil Carlos

"O partido reconhece os dois candidatos como legítimos", disse o líder do Governo na Alepi.

JOCIARA LUZ

O líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual João de Deus (PT), falou ao GP1, na tarde desta sexta-feira (25), sobre as eleições para a presidência da Associação Piauiense de Municípios (APPM), contrariando a declaração do deputado federal Assis Carvalho, que afirmou que a candidatura do prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos (PT), à presidência da APPM não é legítima. O Partido dos Trabalhadores conta com dois candidatos na disputa, Gil Carlos e a prefeita de Altos, Patrícia Leal.

De acordo com João de Deus, o partido fez seu papel ao reunir os prefeitos e sugerir que, na possibilidade de dois candidatos petistas, estes buscassem entendimento. “Eu acho que esse assunto deve ser resolvido internamente no partido. O partido reconhece os dois candidatos como legítimos. O PT fez uma reunião com os todos os prefeitos do partido e sugeriu que eles buscassem um entendimento entre eles, que o partido não ia defender nem um e nem outro se tivesse obviamente mais de um candidato, mas orientava que eles buscassem um entendimento entre eles”, disse o líder do governo, que ainda completou afirmando que, durante reunião da sigla para debater o tema, os dois candidatos foram reconhecidos: “Naquele momento o Gil falou, a prefeita patrícia falou e foi, portanto, numa reunião interna do PT, reconhecido como candidato legítimo”.

  • Foto: Lucas Dias/GP1João de DeusJoão de Deus

O deputado voltou a afirmar que a eleição para a presidência da APPM está acima dos partidos. Ele também ressaltou que os dois candidatos têm competência para ocupar o cargo. “Precisamos entender que essa é uma eleição suprapartidária, envolve os prefeitos de todos os partidos políticos, de forma que eu tenho esse entendimento. Eu acho que tanto o Gil, como a Patrícia, são dois prefeitos já com experiência, são bons prefeitos, tanto um como outro tem condições de dirigir a APPM e de prestar a sua experiência para esse conjunto de prefeitos, sobretudo às prefeituras pequenas. A APPM tem uma importância muito grande pra esses municípios”, avaliou.

João de Deus ainda disse que o PT já fez o que estava ao seu alcance. “O que o partido pode fazer, e na minha avaliação já procurou fazer num primeiro momento, é tentar chamar ao diálogo, orientar o diálogo dos dois. Eu acredito que esses colegas compreendem que, uma vez sendo os dois do mesmo partido, devem buscar o entendimento, essa foi a orientação do partido. Nós vamos acreditar. Porque ainda tem tempo, bastante tempo, primeiro tem que ter a posse dos prefeitos para depois ter a eleição da APPM”, finalizou.


Link do texto:

João de Deus diz que PT reconhece candidatura de Gil Carlos
http://www.gp1.com.br/noticias/joao-de-deus-diz-que-pt-reconhece-candidatura-de-gil-carlos-404983.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.