GP1

Coronavírus no Piauí

Número de mortes por covid-19 no Piauí chega a 6.308, diz Sesapi

Foram 10 óbitos ocorridos nas últimas 24 horas e mais 15 de dias anteriores, que estavam em investigação.

O Piauí atingiu a marca de 6.308 mortes por covid-19 (coronavírus) nesta quarta-feira (16), segundo boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi). Foram registrados 10 óbitos nas últimas 24 horas e mais 15 acumulados de dias anteriores, que estavam sob investigação epidemiológica.

Ainda de acordo com o boletim, o estado registrou mais 1.055 casos confirmados da doença e com isso o total de piauienses que já contraíram o novo coronavírus chega a 287.660.

Duas mulheres e oito homens não resistiram às complicações da covid-19 nas últimas 24 horas. Elas eram de Teresina (41 anos) e Uruçuí (29 anos). Os do sexo masculino eram de Floriano (59 anos), José de Freitas (75 e 78 anos), Parnaíba (69 anos), Piracuruca (46 anos), Piripiri (85 anos), São João da Fronteira (75 anos) e Teresina (48 anos).

Dos óbitos acumulados, oito homens eram Amarante (90 anos), Nazária (72 anos), Palmeirais (39 anos), Piracuruca (77 anos) e Teresina (48, 52, 65 e 74 anos). As sete mulheres eram de Água Branca (79 anos), Luzilândia (86 anos), Piripiri (78 anos) e Teresina (55, 59, 65 e 71 anos).

Dos 1.055 novos casos confirmados da doença, 592 são mulheres e 463 são homens, com idades entre um e 91anos. Os óbitos foram registrados em 222 municípios.

Internações

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à covid-19, há 747 ocupados, sendo 431 leitos clínicos, 303 UTIs e 13 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 18.664 até o dia 16 de junho de 2021.

Curados

A Sesapi estima que 280.605 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registrados nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.