GP1

Eleições 2022

PDT de Evandro Hidd deve apoiar pré-candidatura de Sílvio Mendes

Em sendo oficializado o alinhamento, Charles da Silveira deverá ocupar a suplência de Joel Rodrigues.

O Partido Democrático Trabalhista do Piauí deverá seguir com a oposição e declarar apoio ao pré-candidato a governador do Piauí pelo União Brasil, Sílvio Mendes. O acordo está praticamente firmado, faltando apenas pequenos ajustes que estão sendo realizados pelo presidente do PDT no Piauí, o vereador de Teresina, Evandro Hidd.

Uma fonte ligada à sigla pedetista, informou ao GP1 que Evandro esteve reunido essa semana com Sílvio, tratando sobre o assunto. Em sendo oficializado o alinhamento, são reais as chances de o ex-reitor da Universidade Federal do Piauí (UFPI), o professor Charles da Silveira, vir a assumir uma das suplências do pré-candidato a senador, Joel Rodrigues (Progressistas), que compõe a chapa liderada por Sílvio.

Foto: Alef Leão/GP1Evandro Hidd
Evandro Hidd

Partido dividido

Um dos principais desafios de Hidd será conquistar a maioria dos apoios dos líderes do partido em favor da estratégia de caminhar com a oposição. A bancada de vereadores da Câmara de Teresina é um exemplo claro da discordância de interesses quanto ao assunto. O vereador Enzo Samuel não esconde o desejo de caminhar ao lado do pré-candidato a governador, Rafael Fonteles, que é do PT.

Evandro Hidd e Alan Brandão, por sua vez, estão inclinados a seguir com o grupo da oposição liderada pelo ministro-chefe da Casa Civil, o senador piauiense licenciado, Ciro Nogueira (Progressistas).

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.