GP1

Entretenimento

Instagram vai lançar versão da rede social para crianças

A intenção da rede social é evitar que contas com idade falsa sejam criadas.
Por Estadão Conteúdo

Para ampliar a faixa etária que utiliza o Instagram, o Facebook está trabalhando em uma versão infantil da rede social, voltada para usuários com menos de 13 anos, segundo o site americano BuzzFeed News. A iniciativa é uma forma de incluir os pequenos na plataforma e evitar que contas sejam criadas com data de nascimento falsa pelas crianças.

Atualmente, o Instagram só permite contas para usuários com mais de 13 anos, informação solicitada na hora de entrar na plataforma. Porém, a empresa não possui nenhum mecanismo de checagem da idade, ou seja, crianças e pré-adolescentes podem facilmente modificar a data de nascimento para criar um perfil.

A preocupação com esse público na rede, por conta da segurança, levou o Instagram a anunciar, nesta semana, que vai proibir que adultos mandem mensagens diretas para menores de idade com quem não tenham nenhuma conexão em comum.

"Estou animado em anunciar que, daqui para frente, identificamos o trabalho jovem como uma prioridade para o Instagram e o adicionamos à nossa lista de prioridades", escreveu Vishal Shah, vice-presidente de produto do Instagram, em um quadro de mensagens de funcionários. "Estaremos construindo um novo pilar juvenil dentro do Grupo de Produtos da Comunidade para nos concentrar em duas coisas: acelerar nosso trabalho de integridade e privacidade para garantir a experiência mais segura possível para adolescentes e construir uma versão do Instagram que permita às pessoas com menos de aos 13 anos para usar o Instagram com segurança pela primeira vez".

A intenção passa a ser, agora, não só coibir as contas "falsas", mas dar às crianças uma plataforma para que elas também interajam entre seus amigos. Pavni Diwanji, vice-presidente do Facebook, foi o escolhido para liderar o projeto, depois de passar por programas do Google voltados para jovens, como o YouTube Kids.

O Instagram não confirmou oficialmente o novo projeto nem deu detalhes de como a rede social para crianças vai funcionar.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.