Teresina - PI

Covid-19: Sindicato pede que população evite ida aos bancos no Piauí

"O Sindicato dos Bancários do Piauí (SEEBF-PI) recomenda aos clientes do setor bancário que atendam às orientações das autoridades", afirmou.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

O Sindicato dos Bancários do Piauí recomendou, nesta quarta-feira (01), que os clientes evitem ir às agências bancárias durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19), para evitar aglomerações. Atualmente o Piauí conta com 18 casos confirmados da covid-19, sendo 16 em Teresina, um em Parnaíba e outro em São José do Divino.

Desde o início das medidas de isolamento adotadas pela Prefeitura de Teresina e pelo Governo do Estado, o GP1 acompanha situações de pessoas que desobedecem as recomendações e geram filas enormes nas agências bancárias.

  • Foto: Alef Leão/GP1Agência do Banco do Brasil no bairro DirceuAgência do Banco do Brasil no bairro Dirceu

“Nota-se ainda que a população insiste em buscar atendimento dentro das agências, mesmo com a triagem fazendo o atendimento contingenciado para os casos essenciais, as pessoas insistem em se aglomerar em filas nas portas dos bancos. Por conta do contingenciamento, os clientes bancários estão procurando as Lotéricas, como prestadoras de serviços da Caixa, causando aglomeramento em filas, o que não é indicado no controle de disseminação do Coronavírus”, disse o sindicato em nota.

254 casos suspeitos no Piauí

Novo boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) nesta terça-feira (31) aponta que subiu para 254 o número de casos suspeitos de coronavírus (covid-19) no estado do Piauí. Dessa forma, esse número aumentou em relação à contagem do dia anterior, que indicava 231 casos suspeitos. Segundo a Sesapi, há 18 casos confirmados de coronavírus no estado, quatro mortes e um paciente curado.

Confira a nota na íntegra

O Sindicato dos Bancários do Piauí (SEEBF-PI) recomenda aos clientes do setor bancário que atendam às orientações das autoridades, evitem deslocar-se para as agências bancárias e deem preferência para usar produtos e serviços dos bancos pelos canais digitais.

Nota-se ainda que a população insiste em buscar atendimento dentro das agências, mesmo com a triagem fazendo o atendimento contingenciado para os casos essenciais, as pessoas insistem em se aglomerar em filas nas portas dos bancos. Por conta do contingenciamento, os clientes bancários estão procurando as Lotéricas, como prestadoras de serviços da Caixa, causando aglomeramento em filas, o que não é indicado no controle de disseminação do Coronavírus.

As salas de Auto Atendimento estão disponíveis para diversas operações bancárias, bem como por meio do celular e internet, os usuários podem fazer também, com segurança, agendamento e pagamento de contas, consulta de saldos e extratos, transferências financeiras, contratação de serviços e empréstimos, entre outros serviços. Nos aplicativos e internet banking, os clientes poderão encontrar ferramentas úteis para todas as necessidades, além de ter acesso a comunicados e canais de atendimento.

Vale ressaltar que as agências bancárias estão seguindo as normas de higienização e que para mudar o cenário atual é necessário a participação de todos, por isso o recomendável é ficar em casa e usar a tecnologia a favor. Vá em uma agência somente em caso emergencial, o momento é de isolamento e proteção à vida.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Covid-19: idosos descumprem decreto e lotam agências bancárias

PM usa spray de pimenta para dispersar aglomerações em Teresina

Teresinenses desobedecem decreto e fazem aglomeração na zona sul

Piauienses desobedecem orientação e lotam bancos e supermercados