Brasil

Ex-presidente Lula afirma que está "pronto para ser preso"

O livro da editora Boitempo vai ser lançado na próxima sexta-feira (16) e conta com entrevistas realizadas nos dias 7, 15 e 28 de fevereiro.

BÁRBARA RODRIGUES
DE TERESINA
- atualizado

Em entrevista que consta no livro “A Verdade Vencerá - O povo sabe por que me condenaram”, o presidente Luís Inácio Lula da Silva afirmou que está “pronto para ser preso”. O livro da editora Boitempo vai ser lançado na próxima sexta-feira (16) e conta com entrevistas realizadas nos dias 7, 15 e 28 de fevereiro com Lula pelos jornalistas Juca Kfouri e Maria Inês Nassif, o professor de relações internacionais Gilberto Maringoni e a editora Ivana Jinking.

Na entrevista o ex-presidente afirmou que apesar de recorrer da decisão, está pronto para a sua prisão, que pode ocorrer logo após o julgamento dos embargos no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4). "Há duas instâncias superiores que a gente pode recorrer (STF e STJ) e vamos recorrer. Eles vão tomar a decisão, eu estou pronto para ser preso. É uma decisão deles”, disse Lula, que foi condenado a 12 anos e 1 mês de prisão.

  • Foto: DivulgaçãoLivro sobre Lula: A Verdade Vencerá - O povo sabe por que me condenaramLivro sobre Lula: A Verdade Vencerá - O povo sabe por que me condenaram

Ao ser questionado pela editora Ivana sobre como ele está se preparando para a prisão, ele disse que “eu não preparo o espírito. Eu sou um homem de espírito leve. Tudo isso faz parte da história. Estamos num momento histórico importante para mim. Eu sei porque estou sendo julgado. E eles não têm a mesma consciência tranquila que eu tenho."

Ele acrescentou que não tem intensão de sair do país, como chegou a ser especulado, já que ele possui uma boa relação com presidentes de alguns países, o que facilitaria um suposto refúgio político.

“Eu não vou sair do Brasil, não vou me esconder em embaixada, eu não vou fugir. A palavra “fugir” não existe no meu dicionário. Vou estar na minha casa, chegando em casa entre 20h e 21h, indo dormir às 22h, acordando às 5h para fazer ginástica”, destacou.

Mais conteúdo sobre: