Brasil

Filho de Flordelis confessa que matou pai a mando do irmão

O pastor Anderson foi assassinado na madrugada do último domingo (16), com pelo menos 15 tiros na garagem da própria casa.

Nayrana Meireles
Teresina
- atualizado

A Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo informou nesta terça-feira (18), que Lucas dos Santos, de 18 anos, um dos filhos adotados da deputada federal e pastora evangélica Flordelis confessou à polícia que matou o pai, pastor Anderson do Carmo de Souza, a mando do irmão Flávio Rodrigues de Souza, de 38 anos, filho biológico de Flordelis. A dupla foi presa nesta segunda-feira (17).

O pastor Anderson foi assassinado na madrugada do último domingo (16), com pelo menos 15 tiros na garagem da própria casa, em Pendotiba, bairro de Niterói, região metropolitana do Rio.

  • Foto: DivulgaçãoFlordelis e Pastor AndersonFlordelis e Pastor Anderson

Flávio dos Santos foi o primeiro a ser detido. A prisão ocorreu durante o enterro do padrasto. Desde 17 de abril, Flávio tinha um mandado de prisão preventiva em aberto por violência doméstica. Em janeiro, a Justiça determinou que se mantivesse a pelo menos 500 metros de distância da ex-mulher, além de respeitar outras medidas protetivas. A ordem da prisão foi cumprida porque ele desrespeitou as medidas impostas a ele.

O outro filho, Pedro Lucas, é acusado de envolvimento com tráfico antes de completar 18 anos. A ordem de prisão contra ele foi emitida por conta dessa suposta conduta. O rapaz foi detido na casa da família, em Niterói.

A principal linha de investigação da Polícia Civil considera que Flávio e Lucas agiram juntos e mataram Souza para defender a mãe, após descobrir um caso extraconjugal de Souza.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Marido da deputada federal Flordelis é morto a tiros no Rio de Janeiro

Polícia prende dois filhos de deputada que teve o marido assassinado em SP