Piauí

Governo do Piauí reafirma parceria com Exército Brasileiro

O governador ressaltou o trabalho integrado que o Governo do Estado e o Exército realizam nas ações sociais e, principalmente, neste momento com a pandemia do novo coronavírus.

- atualizado

O governador Wellington Dias recebeu, nesta quinta-feira (15), no Palácio de Karnak, o comandante da 10ª Região Militar, general Guilherme Cabral, ocasião em que reafirmaram a parceria entre o Exército Brasileiro e o Governo do Piauí e já planejaram a operação da vacinação contra a covid-19.

O governador ressaltou o trabalho integrado que o Governo do Estado e o Exército realizam nas ações sociais e, principalmente, neste momento com a pandemia do novo coronavírus. “O Exército é um grande parceiro em situações sociais, nas enchentes e em relação à seca, como estamos fazendo agora, levando carro-pipa a vários municípios do estado. Acertei com o general uma grande operação na aplicação das vacinas, do qual tratei com o ministro da Saúde e devemos fechar esse entendimento sobre a vacinação contra a Covid-19 para o Brasil. Firmamos um compromisso para dialogarmos uma estratégia de trabalharmos juntos: Exército, municípios, governo federal e a estrutura do Estado, inclusive com o setor privado para essa operação de vacinar todo o povo do Piauí”, disse Wellington.

  • Foto: Divulgação/AscomGoverno do Piauí reafirma parceria com Exército BrasileiroGoverno do Piauí reafirma parceria com Exército Brasileiro

A visita foi um primeiro contato com o governador do Piauí após o general Guilherme assumir o comando da 10ª Região Militar, sediada em Fortaleza, e que atende o Piauí. “Esta visita institucional é para manter essa integração com o Governo do Estado para que a gente possa, cada vez mais, desenvolver nosso país. Fizemos hoje o primeiro contato com o governador e temos previsão de outras visitas ao Piauí, um grande parceiro da 10ª Região Militar”, destacou o general.

“O Exército Brasileiro tem uma integração muito firme em todo o Nordeste, de modo especial com o Piauí, aqui, nós temos a presença, além de toda a estrutura normal do Exército, dois batalhões de engenharia, um em Picos e outro em Teresina. Somos o único estado da região que conta com esse privilégio. Então, hoje estreitamos uma parceria para que possamos resolver uma situação burocrática e voltarmos a trabalhar em obras”, acrescentou o governador.

Participaram da reunião, o secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Rubens Pereira; o comandante da Polícia Militar do Piauí, coronel Lindomar Castilho; e o chefe do Gabinete Militar (Gamil), coronel Leandro Castelo Branco.