Teresina - PI

Homem é morto com 3 tiros em Teresina; crime pode ter sido por vingança

O homem respondia por um homicídio contra o cunhado.

Jeyson Moraes
Teresina
Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

Homem é morto com 3 tiros na zona rural de Teresina

Um homem identificado como Juniel de Araújo Sales, de 31 anos, foi morto com três disparos de arma de fogo na manhã desta terça-feira (6) no Povoado Cajaíba, na zona leste de Teresina. O homem responde por um homicídio praticado contra o próprio cunhado e a polícia suspeita que a morte tenha sido vingança por parte da família.

Segundo o sargento Hidelbrando, do 5º Batalhão de Polícia Militar do Piauí, Juniel estava chegando em uma residência de moto quando foi atingido com três tiros, sendo um na cabeça e dois nas nádegas. “Ele estava chegando aqui para fazer um serviço de pedreiro em uma casa. Com certeza foi um acerto de contas, ninguém viu, ninguém sabe quantas pessoas que cometeram esse crime. Nós chegamos aqui, fizemos o isolamento da área, o pessoal da perícia criminal veio para fazer o procedimento e o IML está chegando”, contou o sargento.

  • Foto: Alef Leão/GP1Homicídio no povoado CajaíbaHomicídio no povoado Cajaíba

Vingança

Segundo o delegado Robert Lavor, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a vítima residia no povoado Lagoa da Mata, que fica próximo ao local do crime, e respondia pelo crime de homicídio contra o próprio cunhado. A polícia acredita que a morte dele tenha sido vingança por conta desse outro homicídio.

“Ele já é indiciado por homicídio, ele se apresentou na época, ele tinha tirado a vida do próprio cunhado. Ele explicou as circunstâncias, aparentemente passou um tempo morando longe, mas recentemente voltou a residir na mesma comunidade. Uma das hipóteses que se tem para esse homicídio hoje pode ser uma vingança desse homicídio anterior, ocorrido há cerca de dois anos atrás”, contou o delegado.

O Instituto de Medicina Legal (IML) foi acionado para remover o corpo do local e o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa deve conduzir as investigações sobre o crime.

Mais conteúdo sobre: