Teresina - PI

Médico Fábio Carvalho morre aos 39 anos vítima da covid-19

Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), quando acabou falecendo nesta terça-feira.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O médico anestesiologista Fábio de Sousa Carvalho, de 39 anos, morreu na manhã desta terça-feira (14), em decorrência da covid-19, no hospital da Unimed, localizado na cidade de Teresina.

Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e acabou falecendo nesta terça-feira. Ele era casado e tinha três filhas.

  • Foto: Clínica Flávio Snatos/CRM-PIMédico Fábio CarvalhoMédico Fábio Carvalho

Fábio Carvalho já prestou serviços no Hospital Getúlio Vargas (HGV), no Hospital de Terapia Intensiva (HTI), na Maternidade Dona Evangelina Rosa e outras unidades de saúde.

Morte de outro médico

Essa é a segunda morte de médico em menos de 24 horas. O primeiro caso foi o médico Lindomar Freitas Santos, que morreu aos 65 anos na noite dessa segunda-feira (13) no Hospital da Unimed Primavera, localizado na zona norte de Teresina.

Lindomar Freitas Santos contraiu a covid-19 e se internou no Unimed Teresina. A família informou que o médico chegou a se curar da doença, mas permaneceu internado e acabou morrendo após sofrer uma parada cardíaca.

Nota do HGV

O diretor-geral do Hospital Getúlio Vargas (HGV), Gilberto Albuquerque, em nome da direção e colaboradores, vem manifestar votos de pesar pelo falecimento do médico anestesiologista, Fábio de Sousa Carvalho. O médico faleceu na manhã dessa terça-feira (14), aos 39 anos. Neste momento de consternação e dor, manifestamos nosso profundo sentimento de solidariedade aos seus familiares e amigos.

Nota do CRM-PI

Aos familiares e amigos do anestesista Dr. Fábio Carvalho, nossos sentimentos de pesar pela sua morte prematura.???????????? Fonte: CRM-PI

Posted by Conselho Regional de Medicina - Piauí on Tuesday, July 14, 2020

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Médico do HUT Lindomar Freitas morre aos 65 anos em Teresina

Polícia Militar já perdeu 13 policiais para a covid-19 no Piauí

Covid-19: 93% dos óbitos no Piauí são de pessoas com comorbidades

Mais conteúdo sobre: