Picos - PI

Padre Walmir rompe politicamente com pré-candidato a prefeito Araujinho

Rompimento político foi confirmado pelo próprio prefeito, Padre José Walmir de Lima (PT), ao deixar o Palácio Coelho Rodrigues no início da tarde.

José Maria Barros
Picos
- atualizado

Depois de ter quatro nomes indicados por ele vetados para compor a chapa majoritária na condição de vice, o prefeito de Picos, Padre José Walmir de Lima (PT), rompeu politicamente com o pré-candidato ao Palácio Coelho Rodrigues, empresário Francisco da Costa Araújo Filho, o Araujinho (PT).

O rompimento político com o pré-candidato a prefeito Araujinho (PT) foi confirmado pelo prefeito Padre Walmir (PT) no início da tarde desta segunda-feira, 27 de julho, após reunir-se com vereadores da base aliada.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Padre Walmir confirma rompimento com AraujinhoPadre Walmir confirma rompimento com Araujinho

Na reunião com os vereadores aliados, além do prefeito Padre Walmir estavam o Procurador Geral do Município, Maycon Luz; Chefe de Gabinete, Civaldo; diretora do Ciem, Maria Santana; Secretário do Desenvolvimento Econômico, Rômulo Costa e o ex-tesoureiro, Raniery Lima, sobrinho do gestor.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Pré-candidato Araujinho perde apoio do Padre WalmirPré-candidato Araujinho perde apoio do Padre Walmir

Na saída do Palácio Coelho Rodrigues, o prefeito Padre Walmir foi questionado pela reportagem do GP1 sobre o rompimento com Araujinho e o gestor declarou que era verdade. “Confirmo sim, houve o rompimento! Se não me querem como aliado, então vou seguir meu caminho” – afirmou.

Vetos

Desde que a base aliada optou pelo empresário Araujinho como pré-candidato a prefeito de Picos, em detrimento do nome preferido do Padre Walmir, que era a jornalista Maria Santana, o gestor tentou emplacar ao menos quatro nomes para compor a chapa majoritária como vice, mas todos foram vetados.

O primeiro deles foi o da diretora do Ciem, jornalista Maria de Sousa Santana, atualmente filiada do MDB. Depois, o da suplente de vereadora Maria de Fátima Lacerda de Sá Barros (PCdoB). Padre Walmir tentou depois o vereador Iata Rodrigues (PCdoB) e também não obteve êxito. Por último, o gestor tentou emplacar o nome da suplente de vereadora, Creusa Nunes (MDB) e mais uma vez não conseguiu.

No entanto, a gota d’água para o rompimento aconteceu ontem 26 de julho, quando o Padre Walmir acompanhou o pré-candidato a prefeito Araujinho em uma visita na zona rural. E, para surpresa dele, não apareceu em nenhuma das imagens postadas por Araujinho em suas redes sociais.

Exoneração

Após tomar a decisão, o Padre Walmir convocou os aliados, um a um, para uma conversa franca na manhã desta segunda-feira, 27, no Palácio Coelho Rodrigues. No encontro, o gestor anunciou seu rompimento com Araujinho e pediu uma decisão: Se fica com ele ou com o pré-candidato do PT.

Como não aceitou a imposição, a secretária municipal do Trabalho e Assistência Social, Maria da Glória Saunders Martins foi exonerada do cargo. Ela é mãe do presidente da Câmara Municipal de Picos, Hugo Victor Saunders Martins (MDB).

  • Foto: José Maria Barros/GP1Por causa do racha, secretária do Trabalho foi exoneradaPor causa do racha, secretária do Trabalho foi exonerada

Vereadores da base que indicaram secretários municipais também foram convocados para a conversa com o Padre Walmir e terão que optar, ou ficam com os cargos ou então deixam o governo se quiserem apoiar o pré-candidato Araujinho.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Partidos da base do Padre Walmir intensificam disputa pela vice de Araujinho

Hugo Victor defende nome de Gutenberg Rocha para compor chapa com Araujinho

Iata Rodrigues entra na disputa pela vaga de vice de Araujinho

Suplente de vereador Tiago Marques anuncia apoio a Araujinho