Picos - PI

Polo tecnológico de Picos possibilita integração de estudantes

Eles são inseridos com a prática e o desenvolvimento de novas tecnologias para a cidade de Picos.

- atualizado

O Polo Tecnológico de Picos vem possibilitando a integração de jovens estudantes do curso de Sistemas e Informação da Universidade Federal do Piauí (UFPI) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI) com a prática e o desenvolvimento de novas tecnologias para a cidade de Picos.

O secretário de Turismo, Desenvolvimento Econômico Ciência e Tecnologia, Iata Rodrigues, avalia que o município vive um momento importante ao transformar ideias em realidade. “É um momento importante para Picos, em relação ao desenvolvimento tecnológico. Nós da secretaria tivemos o prazer de entregar a sala pronta para alunos e professores acreditando que eles têm todo o material necessário para fazer um bom trabalho e desenvolver tecnologias para o município”, destaca.

  • Foto: Divulgação/AscomPolo Tecnológico de PicosPolo Tecnológico de Picos

Segundo Iata Rodrigues, estudantes do curso de Sistemas e Informação de outras cidades estão vindo até Picos conhecer os projetos desenvolvidos pelos estudantes e destaca pontos positivos da troca de experiência entre os alunos. “Na semana passada estudantes do curso de Sistema e informação de Paulistana, estiveram aqui em Picos, visitando o polo tecnológico, e para nós essa troca de conhecimento é muito importante, pois são pessoas que possuem mentes capacitadas e com isso podemos orientar bem como concretizar os seus projetos”, pontua.

De acordo com o secretário, resultados estão aparecendo, e os jovens estão superando as expectativas. “A prefeitura já contatou esses estudantes, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, um aplicativo para o Zona Azul, que em breve será digital. Fizemos parcerias com Associação Comercial, afim de que nos próximos anos os serviços que hoje são feitos por empresas fora de Picos, possam ser feitos aqui”, afirma.

Redução de custos

Ainda de conforme o secretário, ao inserir esses jovens no mercado de trabalho, além de gerar renda e inserir os estudantes no mercado, a iniciativa barateia os custos para a cidade de Picos, pois parcerias com empresas de outros municípios aumentam os gastos devido ao deslocamento e diárias de hospedagem.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB