Barras - PI

Prefeito Carlos Monte autoriza o funcionamento do comércio em Barras

No caso dos salões de beleza e clínicas de estética, elas podem funcionar, desde que com hora marcada, de forma individualizada, através de agendamento.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O prefeito de Barras, Carlos Monte, publicou decreto autorizando o funcionamento de algumas atividades econômicas que estavam fechadas devido a pandemia do novo coronavírus. O decreto foi publicado no Diário Oficial dos Municípios de 8 de julho. O município possui 742 casos confirmados do novo coronavírus.

Com o decreto de nº 018/2020 fica autorizado o retorno de: lojas de móveis e eletrodomésticos, lojas de departamento, relojoarias, óticas, joalherias, perfumarias, papelarias, gráficas e lojas de informática, lojas de autopeças, motopeças, oficinas e borracharias, lojas de material de construção, floricultura, paisagismo, jardinagem, atividades comerciais em feira livres e ambulantes e estabelecimentos de posto de lavagem.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Carlos MonteCarlos Monte

Esses estabelecimentos vão poder funcionar de 8h às 14h, de segunda a sexta-feira. Aos domingos fica estabelecido que apenas farmácias, padarias e postos de combustíveis e de gás vão poder funcionar.

O prefeito Carlos Monte ainda suspendeu a circulação de veículos coletivos ou particulares aos sábados e domingos, podendo circular apenas em casos considerados de extrema necessidade. No caso dos salões de beleza e clínicas de estética, elas podem funcionar, desde que com hora marcada, de forma individualizada, através de agendamento.

“Fica determinada a prorrogação da suspensão de realização das atividades coletivas ou eventos (culturais, esportivos, artísticas, religiosos, etc) e demais atividades de qualquer natureza que ocasionem aglomeração de pessoas até o dia 30 de julho”, afirmou o prefeito.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Piauí é o estado do Nordeste com menos casos confirmados de covid-19

Piauí chega a 884 óbitos e 29.745 casos confirmados de covid-19

Mais de 1 milhão de pessoas já estão curadas da covid-19 no Brasil