Caxingó - PI

Prefeito Washington Luiz diz que contas já foram desbloqueadas

Segundo o prefeito, a juíza que concedeu a liminar determinando o bloqueio desconhecia que o valor do precatório ainda se encontrava creditado em conta judicial à disposição da Justiça Federal.

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O prefeito de Caxingó, Washington Luiz Brito de Sousa, através da assessoria de comunicação da prefeitura, enviou, nesta quarta-feira (29), nota de esclarecimento acerca de matéria publicada nesta manhã sobre o bloqueio de mais de R$ 2 milhões de precatórios do Fundef.

Segundo o prefeito, a juíza que concedeu a liminar determinando o bloqueio desconhecia que o valor do precatório ainda se encontrava creditado em conta judicial à disposição da Justiça Federal e que ao tomar conhecimento do fato procedeu com o desbloqueio das contas do município.

  • Foto: Facebook/Washington Luiz Brito de SousaWashington Luiz Brito de SousaWashington Luiz Brito de Sousa

A liminar foi concedida em ação civil pública ajuizada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica Pública do Piauí (Sinte-PI) contra o município objetivando, liminarmente, o bloqueio de 60% dos valores atualizados depositados em conta judicial referente a precatório de condenação em processo judicial e ainda a determinação para que o município destine os 40% dos valores restantes, exclusivamente, para a Educação.

Confira abaixo a nota na íntegra:

  • Foto: DivulgaçãoNota de esclarecimentoNota de esclarecimento