Joca Marques - PI

Sesapi controla 40 casos suspeitos de malária em Joca Marques

Os técnicos da Sesapi realizaram a pulverização de inseticida no município para combater e prevenir a presença do mosquito causador da doença.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

A Secretaria de Estado de Saúde confirmou que controlou os casos de malária que foram notificados no município de Joca Marques, no Norte do Piauí. Ao todo foram 40 casos suspeitos.

No dia 7, a Sesapi tinha confirmado seis casos. Uma força-tarefa foi solicitada e enviada para tomar providências imediatas. Os técnicos da Sesapi, com o apoio da Secretaria de Sáude de Joca Marques, realizaram a pulverização de inseticida no município para combater e prevenir a presença do mosquito causador da doença.

Os veículos foram equipados com borrifadores e percorreram por localidades urbanas e rurais do município. Além de prevenir a malária, a ação também serviu para prevenir a dengue.

Doença e sintomas

A malária é causada por protozoários transmitidos pela fêmea infectada do Anopheles. Por isso, a principal forma de transmissão é a picada do mosquito. É importante dizer que a doença não é contagiosa e uma pessoa doente não é capaz de transmitir a malária diretamente para outra.

Quem apresentar os sintomas - que são febre alta, dor de cabeça, tremedeira e calafrios - devem procurar uma unidade de saúde. A malária tem tratamento gratuito ofertado em toda rede de saúde. Em caso de confirmação, o paciente deve seguir de forma correta o uso do medicamento para que não piore da doença.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sesapi controla 40 casos suspeitos de malária em Joca Marques

Sesapi confirma seis casos de malária na cidade de Joca Marques

Mais conteúdo sobre: