Entretenimento

Youtuber Dora Figueiredo diz que sofreu relacionamento abusivo

“Resolvi contar a verdade pra vocês sobre o que eu vivi, pra de alguma forma eu conseguir ser sincera com vocês, pra que mulheres que passam por isso não se sintam fracassadas como me senti", relatou.

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

A youtuber Dora Figueiredo publicou em seu canal no Youtube, nesta quarta-feira (17), um depoimento sobre relacionamento abusivo. Em um vídeo de quase 18 minutos, ela conta como me sentia e como está se recuperando. Até às 20h30 desta quinta-feira (18), o vídeo já tinha mais de 700 mil visualizações.

Ela inicia o vídeo relatando que decidiu contar sobre o que viveu para ajudar outras pessoas. “Resolvi contar a verdade pra vocês sobre o que eu vivi, pra de alguma forma eu conseguir ser sincera com vocês, pra que as mulheres que passam por isso não se sintam fracassadas como eu me senti. E pras pessoas se conscientizarem de uma vez que abuso psicológico, relacionamento abusivo, é o primeiro passo pra violência doméstica, violência física”.

A youtuber disse que vivia com uma pessoa que controlava desde o que ela comia até o seu peso. “Eu vivia com uma pessoa que constantemente controlava o que eu comia, controlava o meu peso, fazia com que eu me sentisse extremamente inútil por simplesmente não conseguir fazer uma academia porque eu estava em uma depressão profunda, querendo me matar todos os dias”, contou chorando.

Dora não cita o nome do ex-namorado, no entanto, comentários no vídeo e nas redes sociais, os fãs dizem se trata de Otávio Albuquerque, também youtuber, conhecido como Tavião.

Otávio se pronunciou, através do Twitter e Instagram, e se defendeu das acusações. "O tribunal da internet está, sempre, criando monstros e heróis baseado em um único lado da história: poucos diálogos, muitos julgamentos. Agradeço a todos os apoios e também aos ataques que estou recebendo, pois sei que há algo a aprender com tudo isso. Talvez para todos nós."

Mais conteúdo sobre: