GP1

Teresina - Piauí

Bebê morre ao levar choque com carregador de celular em Teresina

Um vizinho encaminhou a criança, juntamente com a mãe, até o hospital, mas o bebê chegou sem vida.

  • Foto: Facebook/Joyce SantosHeitor LuccaHeitor Lucca

Um bebê de 7 meses, Heitor Lucca, morreu na tarde dessa segunda-feira (16) após ser eletrocutado dentro de casa no bairro Angelim, zona sul de Teresina. A suspeita é que a criança tenha levado um choque por conta do fio de um carregador, que estava conectado em uma tomada, sem o aparelho celular.

De acordo com uma amiga da família, que não quis se identificar, o bebê estava na sala, enquanto a mãe arrumava o quarto quando, de repente, ela escutou um barulho. “Ele estava brincando, subiu em um rack e o carregador estava na tomada. Então ela [mãe] escutou uma pancada, acho que devido à descarga elétrica ele caiu. Quando ela chegou na sala, o bebê estava desmaiado no chão. A mãe pegou ele no braço e correu para a rua e o pessoal ficou socorrendo o menino, mas ninguém sabia que tinha sido um choque”, contou.

Um vizinho encaminhou a criança, juntamente com a mãe, até o hospital, mas o bebê chegou sem vida. “A criança não tinha nenhuma marca de hematoma e quando abriram a boquinha dela ‘tava’ toda queimada. A pessoa que atendeu no hospital disse que a criança pode ter levado um choque, aí ela [mãe] lembrou que talvez ele tenha colocado a ponta do carregador na boca”, completou.

O corpo da Heitor Lucca está sendo velado nesta manhã (17) e deve ser sepultado por volta das 10h.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.