GP1

Teresina - Piauí

DEPRE desarticula laboratório de drogas e prende 5 pessoas em Teresina

Cinco pessoas, incluindo um taxista, foram presas na operação, coordenada pelo delegado Jarbas Lima.

Marcelo Cardoso/GP1 1 / 15 Droga apreendida pela Depre Droga apreendida pela Depre
Marcelo Cardoso/GP1 2 / 15 Substância usada para a fabricação da droga Substância usada para a fabricação da droga
Marcelo Cardoso/GP1 3 / 15 Materiais apreendidos juntamente com a droga Materiais apreendidos juntamente com a droga
Marcelo Cardoso/GP1 4 / 15 Jarbas Lima Jarbas Lima
Marcelo Cardoso/GP1 5 / 15 A apreensão aconteceu na zona sul de Teresina A apreensão aconteceu na zona sul de Teresina
Marcelo Cardoso/GP1 6 / 15 Joia de ouro apreendida pela Depre Joia de ouro apreendida pela Depre
Marcelo Cardoso/GP1 7 / 15 A apreensão aconteceu na tarde desta segunda A apreensão aconteceu na tarde desta segunda
Marcelo Cardoso/GP1 8 / 15 Droga apreendida na cidade de Teresina Droga apreendida na cidade de Teresina
Marcelo Cardoso/GP1 9 / 15 Armas que estavam em posse dos presos Armas que estavam em posse dos presos
Marcelo Cardoso/GP1 10 / 15 Carro que estava com os acusados Carro que estava com os acusados
Marcelo Cardoso/GP1 11 / 15 Dinheiro que estavam com os suspeitos Dinheiro que estavam com os suspeitos
Marcelo Cardoso/GP1 12 / 15 Um taxista também foi preso pela Depre Um taxista também foi preso pela Depre
Marcelo Cardoso/GP1 13 / 15 A apreensão foi realizada pela Depre na Capital A apreensão foi realizada pela Depre na Capital
Marcelo Cardoso/GP1 14 / 15 Prensa Hidráulica Prensa Hidráulica
Marcelo Cardoso/GP1 15 / 15 Arma e munições Arma e munições

A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE), desarticulou nesta segunda-feira (25) um laboratório de fabricação de drogas, na zona sul de Teresina. Cinco pessoas, incluindo um taxista, foram presas na operação, coordenada pelo delegado Jarbas Lima, que resultou na apreensão de uma grande quantidade de entorpecentes, como cocaína, pasta base, maconha e crack.

De acordo com o delegado Jarbas, a DEPRE já estava monitorando o grupo acusado de tráfico, após denúncias anônimas. As primeiras prisões foram as do taxista e de um homem em uma residência, na zona leste da Capital.

“Monitorando dois indivíduos na zona leste, percebemos que eles entregaram um pacote em uma residência e se evadiram em um Onix preto. Após certo tempo, um taxista chegou e um rapaz da casa entregou para ele um outro volume. O taxista saiu do local e abordamos ele, que se encontrava com o entorpecente dentro do carro, adentramos na residência onde ele recebeu o entorpecente e encontramos entorpecentes lá, prendendo o outro homem”, informou.

Com as primeiras prisões, os policiais da DEPRE diligenciaram até o residencial Torquato Neto, zona sul da capital, onde flagraram uma mulher no laboratório de drogas. “Ao mesmo tempo, adentramos na residência onde os dois indivíduos do Onix foram pegar droga, no Torquato Neto, e lá nós encontramos uma prensa, cloridrato de cocaína, bicarbonato de sódio, medicamentos, liquidificador, tudo utilizado no refino de entorpecentes”, detalhou Jarbas Lima.

Após a desarticulação do laboratório, os policiais prenderam os dois rapazes do carro preto já na zona leste e apreenderam um revólver de calibre .38 na residência de cada um deles. “Diligenciamos atrás desses dois rapazes do Onix, encontramos esses dois rapazes e os prendemos na zona leste. Fomos nas residências deles e encontramos uma arma de fogo em cada uma delas”, explicou o delegado.

O delegado da DEPRE ressaltou que se trata de uma complexa associação para o tráfico de drogas. “Eles tinham todo o preparo, com prensa, liquidificador, é uma associação complexa que desbaratamos hoje, tirando de circulação essas cinco pessoas”, concluiu.

Todas as pessoas foram autuadas na sede da DEPRE e em seguida encaminhadas ao sistema prisional do estado. O veículo Onix e o táxi foram apreendidos.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.