GP1

Geminiano - Piauí

Policial civil morre em acidente com ônibus da Itapemirim na BR 020 no Piauí

Segundo a PRF, Abelardo José de Oliveira trafegava em uma motocicleta e se chocou contra o ônibus.

O escrivão da Polícia Civil Abelardo José de Oliveira morreu na manhã desta terça-feira (11), após se envolver em um grave acidente no entroncamento da BR 020 com a BR 316, entre Picos e Geminiano.

Conforme informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), Abelardo José de Oliveira trafegava em uma motocicleta quando acabou se chocando frontalmente com um ônibus da empresa Itapemirim.

Foto: Reprodução/WhatsAppMotocicleta colidiu violentamente contra o ônibus
Motocicleta colidiu violentamente contra o ônibus

Ainda não se sabe qual dos veículos causou o acidente. O escrivão da Polícia Civil estava de capacete, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local do ocorrido. A PRF isolou a área do acidente para a realização da perícia e o Instituto de Medicina legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo da vítima.

Foto: Reprodução/WhatsAppAbelardo José de Oliveira
Abelardo José de Oliveira

A Delegacia Regional de Polícia Civil de Picos emitiu uma nota de pesar lamentando o ocorrido com o servidor e desejando conforto aos amigos e familiares do policial.

Confira a nota na íntegra

A Delegacia Regional de Picos vem, por meio desta nota, expressar profundo pesar pelo falecimento do Agente de Polícia Abelardo José de Oliveira, ocorrido na manhã desta terça-feira (11).

Abelardo tinha uma história de serviços prestados ao povo picoense, sendo um excelente servidor público, conhecido por todos os seus colegas por ser extremamente prestativo e nunca recusar ajuda ao próximo.

Nós, da família da Polícia Civil de Picos, desejamos à família e amigos conforto nesse momento de luto.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.