GP1

Alvorada do Gurguéia - Piauí

TCE aponta Alvorada do Gurguéia com índice de transparência elevado

O relatório referente ao exercício de 2021 foi apresentado sessão plenária do TCE-PI, de 28 de abril.

Levantamento realizado pelo Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) apontou que a Prefeitura de Alvorada do Gurguéia obteve um índice de transparência elevado. O município obteve nota de 80,75%, maior do que a média estadual, que foi de 63,13%.

O relatório referente ao exercício de 2021 foi apresentado sessão plenária do TCE-PI, de 28 de abril, e foi divulgado no dia 3 de maio. No levantamento foi constatado que duas prefeituras não possuem Portal da Transparência: Coivaras e Matias Olímpio.

Foto: Reprodução/FacebookPrefeito Lécio Gustavo
Prefeito Lécio Gustavo

O prefeito de Alvorada do Gurguéia, Lécio Gustavo, destacou que o resultado é o reconhecimento a uma gestão que trabalha com a transparência. “Nós trabalhamos com o cuidado em transparecer ao povo aquilo que fazemos com dedicação e legalidade. Eu dedico este mérito ao nosso diretor de Relações Públicas e chefe do Departamento de Comunicação, Marcos Sallan e ao nosso servidor e colaborador, Assis Carvalho, que primam pela excelência na condução do nosso orgulhoso Portal da Transparência que também dispõe do e-SIC e da nossa Ouvidoria", afirmou.

Entre as grandes cidades piauienses, Alvorada do Gurguéia apareceu à frente de Teresina, Parnaíba, Picos e Piripiri. E entre as cidades vizinhas e que compõe o mesmo território, o município administrado ultrapassou Bom Jesus, Santa Luz, Cristino Castro, Palmeira do Piauí, Colônia do Gurguéia, Eliseu Martins, Manoel Emídio e as demais.

O levantamento é um dos instrumentos de fiscalização de que dispõe o Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) para exercer sua atividade finalística de controle externo da Administração Pública.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.