GP1

Teresina - Piauí

Acusado de tentativa de latrocínio contra policial é preso no Mafrense

Outra pessoa também foi presa acusada de comprar a arma do policial Valdeck, que foi roubada no crime.

Um homem identificado como A. da C. P. F, de 20 anos, acusado da tentativa de latrocínio contra o policial civil José Valdeck de Melo, foi preso no início da tarde desta segunda-feira (09), no bairro Mafrense, na zona norte de Teresina. Uma segunda pessoa, que não teve a identificação revelada, também foi presa acusada de comprar a arma do policial Valdeck, que foi roubada durante a ação.

O crime aconteceu no último sábado (07), no bairro Mocambinho. A prisão foi feita pelas equipes do 12° Distrito Policial, 9° Distrito Policial, 22° DP e da Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI).

O cabo Jairo, da Força Tarefa da SSP, contou ao GP1 que o acusado de atirar no policial foi preso dentro de sua residência no bairro Mafrense. “Após o crime foram iniciadas as investigações e o major Audivan Nunes determinou que toda a equipe da Força Tarefa continuasse com as diligências até localizar os suspeitos de atirarem no policial. Ele foi localizado e preso em sua casa”, destacou o cabo.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Cabo Jairo
Cabo Jairo

Ainda segundo informações do cabo Jairo, o jovem de 20 anos confessou o crime e afirmou que foi ele que atirou no policial civil José Valdeck de Melo. Já o comparsa, que foi apontado como o piloto da motocicleta, foi identificado pela equipe policial mas ainda não foi preso.

O homem que também foi capturado, na tarde desta segunda-feira (9), foi localizado após a crime do suspeito de atirar no agente de segurança. Ele é acusado de ter comprado a arma do agente de segurança. Os dois presos foram encaminhados para a sede do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco).

Entenda o caso

O policial civil José Valdeck de Melo, lotado no 12º DP, foi baleado na tarde desse sábado (07) durante um assalto na Avenida Freitas Neto, bairro Mocambinho, zona norte de Teresina. Na ocasião, o agente de segurança teve sua arma de fogo, uma pistola, roubada por dois criminosos.

Foto: Reprodução/WhatsAppPolicial Valdeck
Policial Valdeck

De acordo com relatos de testemunhas aos policiais do 9ª Batalhão da Polícia Militar, os bandidos abordaram Valdeck em um depósito de bebidas e, durante a ação, alvejaram a vítima pelo menos cinco vezes, subtraíram a arma de fogo e em seguida empreenderam fuga.

O policial foi encaminhado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde passou por cirurgia. Atualmente, o seu quadro de saúde é estável. Os disparos atingiram o rosto, as costas e o ombro do agente de segurança.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.