GP1

Teresina - Piauí

Tribunal de Justiça suspende greve dos enfermeiros em Teresina

Segundo a decisão, o movimento paredista dos profissionais agrava a prestação do serviço público.

O Tribunal de Justiça do Piauí, através de liminar do desembargador Ricardo Gentil Eulálio Dantas, decidiu suspender o movimento de paralisação do Sindicato dos Enfermeiros, auxiliares e técnicos em enfermagem do Estado do Piauí (SENATEPI).

Clique aqui e confira a decisão na íntegra

A categoria iniciou paralisação no início da manhã desta segunda (9) em frente ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT) alegando que foi excluída pela Prefeitura de Teresina do reajuste salarial. Na decisão do TJ-PI, foi determinado que os profissionais se abstenham da paralisação e cumpram integralmente as atividades profissionais.

Segundo a decisão, o movimento paredista dos profissionais de saúde agrava substancialmente a prestação do serviço público de saúde do município de Teresina e o Estado do Piauí como um todo, em especial tratando-se de período de aumento vertiginoso de dengue, zika e chikungunya, em que necessita de atendimentos de urgência, bem como campanha de vacinação Covid e Sarampo.

O desembargador aplicou pena de multa diária no valor de R$ 50 mil em caso de descumprimento da decisão.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.