Fechar
GP1

Teresina - Piauí

DEPRE prende membro de facção acusado de 5 homicídios em Teresina

Yuri, como é conhecido, foi preso por policiais do DHPP e DEPRE na tarde desta quarta-feira (12).

O integrante de uma facção criminosa, identificado como Yuri e apelidado no mundo do crime como “Ben 10” ou “Rasguinha”, foi preso na tarde desta quarta-feira (12) em uma ação conjunta entre os policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE) e, também, da Guarda Civil Municipal de Teresina. Yuri tem três mandados de prisão em aberto por cinco homicídios praticados na cidade de Teresina.

De acordo com o delegado Bruno Ursulino, os policiais do DHPP, DEPRE e GCM estavam realizando um curso de condutores de cães farejadores durante deslocamento e acabaram visualizando e reconhecendo o acusado. Ao darem a voz de prisão, ele tentou fugir, dando início a um acompanhamento tático, mas acabou sendo rapidamente abordado pela equipe. Junto com ele também foi apreendido um revólver calibre .38 totalmente municiado.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Arma apreendida pela Depre com o suspeito
Arma apreendida pela Depre com o suspeito

"Ele já era alvo procurado de nossas equipes, tanto do DHPP quanto da DEPRE, então já tínhamos feito algumas ações em conjunto na tentativa de localizá-lo. No momento da abordagem, ele estava em uma motocicleta realizando um deslocamento de rotina. No entanto, ele estava armado porque é um faccionado que pertence a uma facção rival, e por isso não andava desarmado, pois temia por sua vida", detalhou o delegado Bruno.


Com três mandados de prisão em aberto, o acusado foi encaminhado para a sede da DEPRE, onde devem ser tomados os procedimentos cabíveis ao caso. Os três mandados são referentes a três homicídios ocorridos em Teresina, sendo um triplo homicídio na Vila Mariana Fortes, o assassinato de um frentista no Bairro Parque Ideal, e a execução de um mecânico no Bairro Saci.

Foto: Divulgação/DeprePoliciais da Depre
Policiais da Depre

Um dos pontos que dificultou colocar o faccionado na cena do crime é o fato de ele não ter uma das pernas, mas mesmo assim conduzia uma moto para praticar homicídios e assaltos.

"Em uma dessas imagens que circularam, mostra-se que ele é a pessoa que filma enquanto os outros estão atirando e também atira. Com isso, pode-se ver que ele tem um comprometimento com a perversidade. Nós já comprovamos isso, inclusive com inquéritos que já foram relatados e encaminhados para a Justiça. Agora, o que faremos é dar fiel cumprimento a esses mandados de prisão e encaminhar essas informações para o Judiciário", esclarece Bruno Ursulino.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Delegado Bruno Ursulino
Delegado Bruno Ursulino

Execução de mecânico

Por volta das 17h do dia 23 de janeiro de 2023, um empresário identificado como Fábio Silva Leal, de 35 anos, dono da Leal Auto Elétrica, foi executado com vários disparos de arma de fogo, próximo a um centro de reciclagem, no Bairro Saci, na zona sul de Teresina.

A vítima estava consertando um veículo quando foi surpreendida por criminosos, que efetuaram 20 disparos contra ela.

Triplo homicídio na Vila Mariana

Momentos depois, Yuri e outros dois indivíduos chegaram em um carro e mataram três pessoas com tiros na Vila Mariana Fortes, localizada na região do Dirceu, na zona sudeste de Teresina, próximo ao Campus Clóvis Moura da Universidade Estadual do Piauí (Uespi). Duas vítimas foram identificadas como Carlos Daniel da Conceição e Anderson da Silva Carvalho.

Assassinato de frentista

O frentista Thiago da Silva Gomes, de 27 anos, foi perseguido e executado com 15 tiros por Yuri e outros quatro criminosos. O crime aconteceu na madrugada do dia 16 de dezembro de 2022 no Parque Ideal, na zona sudeste de Teresina.

Terceira prisão da DEPRE em 24h

Nesta quarta-feira (12), a Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE) realizou um curso de condutores de cães de detecção junto com outras forças de segurança. Os animais participaram das três apreensões feitas no dia de hoje. Segundo a coordenadora do DEPRE, a delegada Alexandra Santos, a atuação da equipe de policiais e cães trouxe um resultado positivo.

“A DEPRE vem promovendo durante toda esta semana o primeiro curso de Condutores de Cães de Detecção e hoje já realizamos diversas ações, contando com a participação de policiais de delegacias de Picos, Corrente e outras forças policiais que realizam este curso. Na data de hoje, já cumprimos mandados de busca por entorpecentes e arma de fogo. Então, o DHPP, a DEPRE e as demais unidades policiais que participaram da ação estão de parabéns”, destacou a delegada.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Delegada Alexandra Santos
Delegada Alexandra Santos

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.