Fechar
GP1

Parnaíba - Piauí

Casal é preso acusado de ameaçar populares em Parnaíba

Segundo depoimento, Antônio Mariano chegou a apontar um revólver calibre .38 para as vítimas.

Um homem identificado como Antônio Mariano, conhecido pela alcunha de Vida Louka, foi preso com a esposa, Kailane Maria Reis da Silva, após ameaçarem populares com uma arma de fogo na Pedra do Sal, em Parnaíba. Ambos foram presos nesta segunda-feira (10) na cidade de Ilha Grande, Litoral do Piauí.

Segundo informações do2º Batalhão da Polícia Militar, as vítimas em seu depoimento afirmaram que foram abordados pelo casal. Nesse momento, Antônio Mariano supostamente sacou um revólver calibre .38, e apontou contra os populares, enquanto pedia que eles lhes mostrassem o endereço de um indivíduo conhecido como Vagner, que segundo denúncias anônimas, se trata de um traficante atuante na região da Pedra do Sal.

Foto: ReproduçãoAdriano Mariano e Kailane Maria
Adriano Mariano e Kailane Maria

A partir daí, as vítimas apontaram para uma residência, momento em que o acusado mandou eles irem embora. Sob posse desses detalhes, os policiais militares conseguiram localizar Antônio Mariano e a esposa na cidade de Ilha Grande.


Depois disso, ambos foram conduzidos à Central de Flagrantes de Parnaíba, para que fossem tomados os procedimentos cabíveis ao caso.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.