GP1

Piauí

Manifestantes bloqueiam BR 343 em Piripiri após morte de mulher em acidente

Uma mulher identificada como Claudiana Marques da Silva morreu nesta segunda-feira (15), após colidir sua motocicleta em um caminhão, na BR 343.

Cerca de 100 pessoas interditaram um trecho da BR 343 na manhã desta terça-feira (16) em Piripiri, em protesto após um acidente ocorrido na noite de ontem, onde morreu uma mulher identificada como Claudiana Marques da Silva. Os manifestantes pediam mais sinalização na rodovia, para evitar mais tragédias.

A manifestação aconteceu no KM 182, e foi monitorada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com o Núcleo de Comunicação da PRF no Piauí, os moradores colocaram fogo em pneus e interditaram a estrada, e por conta disso os policiais tiveram que desviar o fluxo de veículos para a zona urbana de Piripiri.

Foto: Divulgação/PRFPRF acompanhou a manifestação
PRF acompanhou a manifestação

O protesto teve início por volta das 10h30 e terminou às 12h40, depois que os manifestantes tiveram a garantia de que uma autoridade os ouviria. O Corpo de Bombeiros precisou se dirigir ao local para apagar as chamas dos pneus.

Foto: Divulgação/PRFManifestação em Piripiri
Manifestação em Piripiri

Segundo a PRF, nesta quarta-feira (17) a população irá se reunir com a prefeita de Piripiri, Jôve Oliveira (PTB) e com representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), para tratarem sobre a sinalização e instalação de lombadas naquele trecho da BR 343.

Acidente

Uma mulher identificada como Claudiana Marques da Silva, de 41 anos, morreu por volta de 19h15 dessa segunda-feira (15), após colidir sua motocicleta em um caminhão, na BR 343, no município de Piripiri. A vítima não tinha carteira de habilitação e não fazia o uso do capacete no momento do acidente.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.