GP1

Política

Georgiano Neto propõe título de cidadão piauiense para Kassab

Após ser lida na sessão plenária, a proposta foi apreciada pela Comissão de Constituição e Justiça e posteriormente vai para votação no plenário.

O deputado estadual Georgiano Neto (PSD) apresentou à Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), nessa terça-feira (27), Projeto de Decreto Legislativo que propõe a concessão de título de cidadão piauiense ao ministro Gilberto Kassab. Após ser lida na sessão plenária, a proposta foi apreciada pela Comissão de Constituição e Justiça e posteriormente vai para votação no plenário.

“Propus um projeto concedendo o título de cidadania piauiense ao ministro Gilberto Kassab, um homem que foi deputado federal, deputado estadual, prefeito, o único prefeito reeleito do estado de São Paulo, o maior estado do Brasil, também ministro das cidades e agora ministro das comunicações, ciência e tecnologia no governo do Temer”, disse Georgiano.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Georgiano NetoGeorgiano Neto

Na proposta, o deputado destacou que Kassab priorizou o Piauí na execução e inicialização do Programa Internet para Todos. “O Kassab tem relevantes serviços prestados ao nosso estado, têm uma estrita ligação com o Piauí, já veio várias vezes participar de eventos políticos, de solenidades e também visitar nosso estado, é do nosso mandato tem parceria com o deputado federal Júlio César e atendendo a nossa solicitação o ministro priorizou o estado do Piauí na execução e na inicialização do programa 'Internet Para Todos' que é um programa revolucionário, vai levar internet de banda larga e com muita qualidade para todas as regiões do Brasil, principalmente na zona rural, nos logradouros públicos, escolas, unidades básicas de saúde, praças e também aos particulares, levar internet de qualidade, isso é fundamental, vai facilitar a vida das pessoas e trazer desenvolvimento para o Piauí e para o Brasil”, destacou.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.