GP1

Política

Marina Santos propõe auxílio para jovens que não forem adotados

A proposta prevê um auxílio no valor de R$ 300 para cada um dos beneficiários até atingir 21 anos.

A deputada federal Marina Santos (PL) apresentou projeto de lei que institui o programa de auxílio aos jovens em processo de desligamento de serviços de acolhimento para crianças e adolescentes por terem atingido a maioridade, que tenham vínculos familiares rompidos ou fragilizados e não possuam meios para autossustento.

Marina destacou que o objetivo da proposta é amenizar o risco pessoal, social, a situação de vulnerabilidade e promover a inclusão social dos jovens. A proposta prevê um auxílio no valor de R$ 300 (trezentos reais) para cada um dos beneficiários até a data que atingir 21 anos.

Foto: Lucas Dias/GP1Deputada Federal Marina Santos
Deputada Federal Marina Santos

Conforme o texto, o projeto tem a finalidade de apoiar o processo de construção de autonomia pessoal de independência e desenvolvimento de autossustento e autogestão.

“Não consideramos razoável exigir de um jovem de apenas 18 anos que se vire no mundo, sem o apoio ou amparo necessários para que possa completar seu desenvolvimento e inclusão social”, justificou Marina Santos.

Moradia

A proposta da deputada prevê ainda que seja assegurada moradia para os jovens entre 18 e 21 anos. A moradia deverá ser em repúblicas subsidiadas pelo Governo e caso não haja vagas, o auxílio recebido deverá ter aumento de 50%, passando para R$ 450.

Capacitação

O projeto da piauiense prevê ainda que durante o tempo que permanecer na república, deverá ser assegurado ao jovem prioridade em programas de capacitação técnica e profissional, de intermediação de mão-de-obra e em outras políticas públicas que possibilitem sua inserção produtiva.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.