Política

Patrícia Leal desiste da disputa pela presidência da APPM

“A prefeita desistiu da disputa por não ter conseguido apoios, a disputa era desleal, como ela mesma classificou", disse a assessoria.

GERMANA CHAVES

A prefeita de Altos, Patrícia Leal (PT) desistiu de disputar a presidência da Associação Piauiense de Municípios (APPM). Segundo a assessoria, a gestora se queixava da forma como seu adversário, o prefeito de São João do Piauí Gil Carlos (PT), vinha procedendo em busca de apoios.

“A prefeita desistiu da disputa por não ter conseguido apoios, a disputa era desleal, como ela mesma classificou. O adversário dela, Gil Carlos está aliado ao atual presidente da APPM que vem usando toda a estrutura da entidade em favor do prefeito de São João do Piauí”, esclareceu a assessoria.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1 Prefeita de Altos Patrícia Leal Prefeita de Altos Patrícia Leal

Para comunicar a decisão, Patrícia Leal realizou um jantar aos prefeitos que já tinham declarado apoio a ela. “Foi em um jantar promovido por ela em um hotel da zona leste de Teresina. Na ocasião, a prefeita Patrícia informou que ia desistir”, falou a assessoria.

A prefeita de Altos pretende se manter neutra quanto a disputa. “Ela disse que não pretende ir votar no dia da eleição, pois o nome que está posto não pretende fazer uma administração diferente, buscando as melhorias que a APPM precisa”, completou o assessor.

O impasse

Tanto Patrícia Leal quanto Gil Carlos são filiados ao Partido dos Trabalhadores, fator que vinha desencadeando um mal estar interno. Ao decorrer do processo, a petista vinha acusando o adversário de ter feito um acordo com Arinaldo Leal, que preside a entidade.


Link do texto:

Patrícia Leal desiste da disputa pela presidência da APPM
http://www.gp1.com.br/noticias/patricia-leal-desiste-da-disputa-pela-presidencia-da-appm-405184.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.