GP1

Brasil

Prefeitura de Salvador cancela carnaval em fevereiro de 2021

Novo calendário vai depender da vacinação da população contra a covid-19; festas populares, como a Lavagem do Bonfim, também foram suspensas.
Por Estadão Conteúdo

A Prefeitura de Salvador anunciou nesta sexta-feira, 27, que o tradicional carnaval da cidade não será realizado em fevereiro de 2021 por causa da pandemia da covid-19. A gestão municipal informou que a nova data " vai depender da ampla disponibilização da vacina".

A definição de que a festa foi suspensa foi anunciada pelo prefeito ACM Neto (DEM), que está encerrando seu segundo mandato neste ano. "Jamais eu poderia imaginar que chegaria, a 30 dias do final do meu mandato, tendo que fazer o anúncio que farei: o carnaval de Salvador não acontecerá em fevereiro. O carnaval de Salvador está, neste momento, suspenso. Trabalhei no limite do prazo para a tomada dessa decisão."

Ele diz que a realização do carnaval está condicionada à imunização da população e que uma nova data não foi definida. "Tudo vai depender de termos ou não uma vacina acessível a todos no Brasil. A possibilidade de o carnaval acontecer em outro momento de 2021 está condicionada à existência de uma vacina acessível a todos. Não há data, neste momento, prevista. Não há prazo estabelecido."

ACM Neto defende que os prefeitos das maiores cidades brasileiras se reúnam para definir o novo calendário do evento. Na edição de 2020 do carnaval de Salvador, 16,5 milhões de foliões percorreram as ruas em blocos e trios, e acompanharam shows.

O prefeito eleito Bruno Reis (DEM) disse que a decisão foi tomada com base em dados técnicos e científicos. "Vamos tomar as decisões sempre colocando a vida em primeiro lugar. A gente tinha uma data-limite no mês de novembro apresentada pelos grandes responsáveis pela realização do carnaval."

A prefeitura informou que as demais festas populares, como a Lavagem do Bonfim, também não serão realizadas até que a população esteja imunizada.

SP e Rio também suspenderam evento

São Paulo e Rio de Janeiro também já anunciaram que o carnaval de 2021 não será realizado no mês de fevereiro de 2021.

Em julho, o prefeito Bruno Covas (PSDB) informou que o carnaval de rua e os desfiles das escolas de samba de São Paulo seriam adiados para uma data ainda a ser definida em 2021, que poderia ser em maio ou julho.

A Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), que organiza o desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro disse que o evento pode ser realizado em julho do ano que vem.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Liga das Escolas de Samba suspende desfiles no Carnaval do Rio

Prefeitura de São Paulo adia carnaval 2021 devido a covid-19

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.