Malafaia diz que não vai fechar templos por conta do coronavírus

- atualizado

O pastor Silas Malafaia afirmou que não vai fechar as portas dos templos de sua igreja, a Assembleia de Deus Vitoria em Cristo (ADVEC), por conta do coronavírus.

Disse que não vai acatar interferências do Estado e que não vê sentido em suspender os cultos, reafirmando a importância de manter a igreja “aberta para os fiéis”.

  • Foto: Reprodução/FacebookSilas MalafaiaSilas Malafaia

"A nossa igreja aqui vai ficar de portas abertas. Se amanhã, os governos disserem que vai [sic] impedir transporte público, fechar mercados, fechar todas as lojas. A igreja tem que ser o último reduto de esperança para o povo. Eu vou estar aqui, como pastor”, bradou!

Malafaia, pelo visto, não quer abrir mão do faturamento da igreja, nem que pra isso ponha em risco a saúde dos fiéis, afinal de contas 'templo é dinheiro'.

Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811