GP1

Coronavírus no Piauí

Mais de 93% dos mortos por covid-19 no Piauí tinham comorbidades

No Piauí, apenas 6,03% das pessoas que morreram de covid-19 eram saudáveis, sem doenças relacionadas.

Desde o início da pandemia da covid-19, a maioria das pessoas que perderam a vida por conta do novo coronavírus possuíam alguma comorbidade, ou seja, alguma doença que, ao interagir com o vírus, se tornaram fatais. No Piauí, das 2.873 vítimas da covid-19, mais de 93% tinham algum problema de saúde.

De acordo com informações disponíveis no painel epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi), com dados atualizados na noite desta terça-feira (05), 93,37% dos piauienses que morreram de covid-19 tinham comorbidades, enquanto apenas 6,03% eram saudáveis, sem doenças relacionadas.

Foto: Divulgação/SesapiPainel epidemiológico da Sesapi
Painel epidemiológico da Sesapi

A cardiopatia incluindo hipertensão é a que mais tem feito vítimas e corresponde a 45,69% das mortes. Em segundo lugar está a diabetes, responsável por 25,22% dos óbitos.

Em seguida, na lista das doenças mais fatais aparece doença neurológica crônica ou neuromuscular, que está presente em 4,91% dos óbitos; pneumopatia, em 4,72% das mortes; doença renal, em 4,24%; obesidade representando 3,32% das mortes; neoplasia em 2,77%; doença hepática em 1,09%; imunodepressão em 1%; asma em 0,74%; síndrome de down responsável por 0,15% dos óbitos; e doença hematológica presente em 0,09% das mortes. A Sesapi aponta ainda que 0,02% das vítimas eram puérperas.

Último boletim

Nesta terça-feira (05) o município de Acauã registrou o primeiro óbito por covid-19. Ainda segundo o último boletim da Sesapi, o número de mortes por covid-19 (coronavírus) no Piauí subiu de 2.863 para 2.873, e a quantidade de casos confirmados passou de 144.200 para 144.857. Foram 10 mortes nas últimas 24 horas e 657 novos casos, sendo que grande parte destes é de dias anteriores, de acordo com a Sesapi.

NOTÍCIA RELACIONADA

Município de Acauã registra primeiro óbito por covid-19

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.