GP1

Entretenimento

Whindersson Nunes envia os 217 cilindros de oxigênio para Manaus

Na semana passada o humorista mobilizou uma campanha entre artistas para providenciar a compra e envio dos cilindros aos estado.

O humorista piauiense Whindersson Nunes enviou os 217 cilindros de oxigênio doados à cidade de Manaus, nessa terça-feira (19). A capital do Amazonas enfrenta um colapso no sistema de saúde devido ao aumento no número de infectados por covid-19.

Na semana passada o humorista mobilizou uma campanha entre artistas para providenciar a compra e envio de cilindros de oxigênio para o estado. Foram contabilizados mais de R$ 340 mil em doações. Entraram na lista os cantores Wesley Safadão, Gusttavo Lima, Marília Mendonça, Tierry, Simone, Luan Santana dentre outros artistas.

No último sábado (16) chegaram em Manaus 60 respiradores doados por Whindersson que foram destinados a seis hospitais, sendo dez aparelhos para cada unidade de saúde.

Colapso no sistema de saúde

Com a nova explosão de casos de covid-19 no Amazonas, o estoque de oxigênio acabou em vários hospitais de Manaus na última quinta-feira, 14, levando pacientes internados à morte por asfixia, segundo relatos de médicos que trabalham na capital amazonense. O governo federal transferiu pacientes para outros estados, incluindo o Piauí, e pediu ajuda aos Estados Unidos com o fornecimento de um avião adequado para levar cilindros a Manaus.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.