Teresina - PI

Celso Henrique busca chapa proporcional forte sem Dr. Lázaro

"Nós estamos buscando formar uma chapa competitiva, sem a participação do vereador Lázaro visando a eleição de dois vereadores”, disse Celso.

Germana Chaves
Teresina
- atualizado

O presidente regional do Cidadania no Piauí, Celso Henrique, segue fortalecendo o partido com vistas às eleições de 2020 para o cargo de vereador. E dentro dessa estratégia proporcional, Celso reafirmou que não está nos planos da sigla, a permanência do vereador de Teresina Dr. Lázaro que é acusado pelos líderes da agremiação de ter se afastado de todas as atividades partidárias.

“Nós convidamos recentemente o engenheiro Daniel do Asfalto, como ele é conhecido, mas quanto ao vereador Lázaro, foi ele que provocou essa situação ao se afastar do partido e só querer retornar no período pré-eleitoral, visando as eleições. Então, nós estamos buscando formar uma chapa competitiva, sem a participação do vereador Lázaro visando a eleição de dois vereadores”, disse Celso.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Celso HenriqueCelso Henrique

Executiva Municipal

Cabe destacar que no mês passado, durante reunião para tratar sobre formação de chapa proporcional, a Executiva de Teresina, comandado pelo professor José Augusto, se reuniu com Dr. Lázaro e deixou claro que ele terá que colocar o nome para apreciação em Convenção Eleitoral do partido como qualquer outro filiado para avaliar se vai ou não ter o aval da maioria para concorrer às eleições pelo Cidadania.

“O vereador Lázaro, por ter se distanciado do partido, por ter abandonado os suplentes que participaram junto com ele no pleito de 2016, só vindo a procurar o partido em período pré-eleitoral, ou seja, de dois em dois anos, terá que colocar seu nome de maneira democrática e de igual para igual em relação aos demais pré-candidatos à apreciação da Convenção Eleitoral municipal do partido, que vem ocorrendo de 20 de julho e irá até o dia 05 de agosto de 2020, conforme as regras eleitorais vigentes”, destacou José Augusto.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Presidente do Cidadania defende saída de Dr. Lázaro do partido

Dr. Lázaro diz que Celso Henrique pratica 'política de omissão'

Mais conteúdo sobre: