Picos - PI

Erivan Lopes estipula prazo para construtora pagar operários

Em nota o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí diz que constatou a situação de inadimplência da empresa junto aos trabalhadores.

Raisa Brito
Chefe de Redação
- atualizado

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí (TJ-PI), desembargador Erivan Lopes, deu um prazo até nesta sexta-feira, 29, para que a Construtora Dantec efetue o pagamento do 13º salários dos operários que estão trabalhando na construção do novo fórum de Picos.

A denúncia no atraso do pagamento do 13º salário dos operários foi feita pelo Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Construção Civil de Picos (Sintricompi) e teve repercussão em todo o estado do Piauí.

Ao tomar conhecimento do problema, o presidente do TJ-PI, desembargador Erivan Lopes, se deslocou até Picos na manhã de terça-feira, 26. Ao lado de uma representante da Ordem dos Advogados do Brasil-OAB subseção local, ele visitou as obras do novo fórum e constatou a inadimplência por parte da Dantec Construções e Consultoria Técnica Ltda junto aos operários.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Erivan LopesPresidente do Tribunal de Justiça, desembargador Erivan Lopes

Diante da situação, o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí emitiu nota informando quais as medidas que serão adotadas, caso a empresa responsável pela execução da obra não efetue o pagamento dos salários em atraso dos operários até a nesta sexta-feira, 29 de dezembro. Confira, abaixo, a nota da Presidência do TJ-PI.

NOTA – Fórum de Picos

Sobre o atraso no pagamento do 13º salário dos trabalhadores da empresa DANTEC, responsável pela construção do Fórum de Picos, o Presidente do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), Desembargador Erivan Lopes, informa que esteve na manhã desta terça-feira (26/12) visitando a obra e constatou a situação de inadimplência da empresa junto aos trabalhadores. Esclarece que todas as medições feitas pela empresa foram pagas pelo Tribunal e que o TJ-PI tem dinheiro assegurado para a execução da construção. Afirma o Presidente que a empresa será comunicada sobre os procedimentos que serão adotados caso o pagamento não seja efetuado até a próxima sexta-feira (29/12) pela empresa DANTEC, quais sejam: rescisão do contrato, aplicação de multa e inserção da mesma no rol das empresas impedidas de contratar com o Poder Público.

Mais conteúdo sobre: